in

Jornalista Sandra Annenberg mostra seu trabalho pouco conhecido da década de 80

Nas redes sociais, a apresentadora compartilhou seu trabalho como atriz na novela Pacto de Sangue.

Foto: Reprodução/Globo

Um dos rostos mais conhecidos do jornalismo da TV Globo, Sandra Annenberg é lembrada por ter sido uma das mais longevas apresentadoras do Jornal Hoje, tendo dividido a bancada com Evaristo Costa e Dony de Nuccio.

Publicidade

Atual âncora do Globo Repórter ao lado da também veterana Gloria Maria, Sandra usou suas redes sociais para compartilhar um clique de 30 anos atrás. A jornalista postou uma foto em preto e branco, tirada no ano de 1989.

Ela aparece caracterizada na imagem com roupas de época, usadas por sua personagem na novela Pacto de Sangue, trama que foi exibida no horário das 18h entre maio e setembro de 1989.

Publicidade

A novela se passava em 1870 e tinha como tema principal o preconceito racial e a escravidão. Na história, Antônio, vivido por Marcelo Serrado morre jovem e pede ao seu pai, o Queiroz Antunes, vivido por Carlos Vereza para criar um pequeno escravo como se fosse seu filho. O pequeno Bento, vivido por Armando Paiva faz com que Antunes reveja seus valores. Líder de um partido conservador, ele acaba se apaixonando por uma professora que é líder do movimento da abolição.

Publicidade

O TBT (sigla em inglês para throwback thursday, algo como ‘quinta-feira da nostalgia’ em português) gerou vários comentários no post da comunicadora. Dentre os comentários havia quem lembrasse de Sandra no trabalho. Ela também foi muito elogiada por sua beleza na foto. 

Publicidade

Embora poucas pessoas saibam, a carreira de Sandra se iniciou na televisão como atriz, tendo participações em trabalhos o seriado Tarcísio & Gloria (1988), nas minisséries República e A, E I, O… Urca. Antes de atacar como jornalista, Sandra ainda trabalhou na novela Cortina de Vidro, do SBT, que marcou seu último papel.

Ela entrou para o jornalismo somente em 1991, quando começou a fazer a previsão do tempo. Na época, aos 23 anos, Sandra trabalhou em jornais como o São Paulo Já e o Jornal Nacional. Foi a primeira mulher a ter um quadro fixo no principal telejornal da emissora de Roberto Marinho.

Publicidade

Escrito por Matheus Feitosa

Escrevo sobre TV, famosos e entretenimento desde 2011.

A atenção nos detalhes é o que nos faz prosperar.