in

Filho de Chorão traz à tona segredo do pai e dispara: ‘Ninguém sabia’

Artista foi encontrado sem vida pelo seu motorista particular em um dos seus apartamentos.

ISTO É

Figura icônica da música nacional, Alexandre Magno Abrão, artisticamente conhecido como Chorão, deixou uma legião de fãs do Charlie Brown Jr. desolados com a sua partida, ocorrida em março de 2013. Passados quase 10 anos da morte do artista, o filho dele, Alexandre Abrão, concedeu uma entrevista ao portal G1, e surpreendeu ao revelar um dos segredos do pai.

Publicidade

Ao invés de uma herança, o jovem acabou ficando com uma dívida impagável com a gravadora EMI. Segundo Alexandre, o artista comprou os direitos do Charlie Brown Jr nos anos 2000, e não cumpriu com o acordo, deixando um débito expressivo. 

“Desde que meu pai faleceu, uma das pessoas que trabalhava com o meu pai falava: ‘O Chorão tem uma dívida impagável com a EMI’. A gente paga de pouquinho em pouquinho, porque retém os direitos artísticos. Isso é uma coisa que ninguém sabia”, desabafou o filho de Chorão.

Publicidade

Alexandre enfatiza que todo o dinheiro ainda direcionado para Chorão já fica retido para a gravadora, que vai abatendo no valor da dívida astronômica. 

Publicidade

Morte

Chorão foi encontrado sem vida no apartamento em que residia. O responsável por encontrar o artista foi o motorista dele, Kleber Atalla. Após investigações e exames realizados, as autoridades descartaram a possibilidade de homicídio.

Publicidade

Na cena encontrada, Chorão estava rodeado de uma grande bagunça, com garrafas de bebidas alcoólicas e caixas de remédios. Após realizar exames de necropsia, ficou constatado que o roqueiro foi à óbito em função de uma overdose de cocaína.

Responsável pela investigação do caso na época, o delegado afirmou que o cantor havia se separado recentemente da esposa Graziela Gonçalves, e vinha enfrentando um quadro de depressão por conta disso.

Publicidade