in

Pai de consideração de Marília Mendonça diz que ela deveria ter seguido carreira gospel: ‘Poderia ter ficado na igreja’

No entanto, ele entende que a cantora queria voos maiores em sua carreira musical.

Reprodução: Twitter

Ainda é difícil de acreditar que a cantora Marília Mendonça perdeu a vida naquele trágico acidente do dia 5 de novembro. Essa sensação que os fãs sentem é ainda mais pesada para quem conviveu de perto com artista nos 26 anos de sua passagem por aqui.

Publicidade

É o caso de Raimundo Francisco, conhecido como Raí, que cuidava da equipe de louvor da igreja onde Marília deu os seus primeiros passos como cantora. Segundo Raí, a artista o chamava de pai nos anos de sua adolescência.

Recentemente, viralizou nas redes sociais um vídeo de Marília Mendonça cantando justamente na igreja em que Raimundo tomava conta do louvor. A artista já demonstrava ter um grande talento mesmo tão nova.

Publicidade

Raimundo contou que os fiéis da igreja se sentiram desapontados quando Marília deixou de cantar na igreja para cantar em bares: “Muita gente não gostou que ela fosse e não aceitava“, disse o ‘pai’ de consideração.

Publicidade

Ele mesmo acha que ela deveria ter seguido carreira na música gospel: “Ela poderia ter ficado na igreja se tivesse tido apoio. Talvez tivesse feito carreira no gospel“, disse Raimundo.

Publicidade

No entanto, tanto ele quanto os fiéis da igreja entenderam que ela daria voos ainda maiores na carreira e que sem dúvidas, aquela garotinha da igreja estava no caminho certo.

Raimundo disse que perdeu o contato com a família de Marília Mendonça quando se mudaram para o sul, antes mesmo da cantora iniciar sua carreira de sucesso na música sertaneja. “O último abraço que dei nela foi no aniversário de 15 anos“, disse Raimundo, que viu de longe todo o sucesso que Marília fez.

Publicidade

Escrito por Jean Marangoni

Influenciador digital responsável pelas páginas 'Mussum Sinceris' nas redes sociais, trabalho também com jornalismo online há 3 anos. Para sugestões entre em contato: jeanmarangoni@gmail.com