in

Por que família de piloto do avião que levava Marília Mendonça desistiu de cremar o corpo?

Corpo de Geraldo Martins de Medeiros Junior foi sepultado em cemitério do Distrito Federal.

Revista Quem / Montagem Russel

Geraldo Martins de Medeiros Júnior tinha 56 anos e era o piloto do avião que levava a cantora Marília Mendonça, um produtor e um assessor de Goiânia, capital de Goiás, para Caratinga, em Minas Gerais. Os cinco ocupantes da aeronave bimotor que caiu morreram no local do acidente, na sexta-feira (5).

Publicidade

Nascido no Piauí, Geraldo morava no Distrito Federal havia 30 anos. A notícia da morte do experiente piloto chocou amigos e familiares. A ex-esposa, Euda Dias, esteve no velório e falou com a imprensa. Ela contou que o Geraldo largava qualquer coisa para fazer um voo. Segundo ela, o ex era um ótimo piloto. O objetivo da família era cremar o corpo.

As cinzas seriam levadas para a cidade de Floriano, onde ele nasceu e pai mora até hoje. Os planos mudaram e Euda explicou o motivo. “Não vai ser mais cremado porque a burocracia está muito grande”, contou a ex-esposa de Geraldo Martins. O corpo do piloto foi sepultado no cemitério Campo da Esperança, na Asa Sul, no Distrito Federal. 

Publicidade

Por que burocracia impediu cremação?

Para realizar a cremação de um corpo algumas regras devem ser seguidas. Em casos de pessoa que sofreu morte violenta – o que acontece na queda de um avião – essa possibilidade só é possível se for autorizada pela Justiça. Os trâmites podem demorar. Por este motivo, a família decidiu sepultá-lo.

Publicidade

Geraldo Martins de Medeiros Júnior deixou três filhos e muita gente enlutada. O clima no cemitério era de total comoção com a morte repentina do piloto de avião. O corpo do copiloto, Tarciso Pessoa Viana, de 37 anos, também seria velado no DF, neste domingo.

Publicidade
Publicidade

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network. Aqui escrevo sobre política, futebol, TV & famosos e qualquer outro assunto que esteja repercutindo no Brasil e no mundo.
Entre em contato comigo pelo @DiogoMarcondes no Twitter!