in

Copiloto que morreu em trágico acidente com Marília Mendonça estava animado por transportá-la

Cantora de 26 anos e outros quatro ocupantes da aeronave morreram na tarde da última sexta (5).

NOTÍCIAS DA TV/UOL | DIVULGAÇÃO

A tragédia aérea que vitimou a cantora sertaneja Marília Mendonça e outros quatro ocupantes da aeronave de pequeno porte na última sexta-feira (5) abalou o Brasil e deixou uma comoção ímpar.

Publicidade

Presente no avião, o copiloto Tarciso Pessoa Viana, de 37 anos, estava animado pelo fato de que estaria transportando a cantora para a realização de show em Minas Gerais. Dias antes de efetuar a trágica viagem, o copiloto chegou a compartilhar o momento especial na carreira com as irmãs, revelando a notícia de que estaria no mesmo avião da Rainha da Sofrência.

Em entrevista ao SBT, a irmã de Tarciso, Nágila do Vale, disse que recebeu a notícia do irmão por meio de um grupo de WhatsApp da família. Era o copiloto, animadíssimo com o fato de poder estar do lado de quem ele admirava.

Publicidade

“Vocês não sabem quem eu vou carregar essa semana e eu não vou estar aqui. Vou amanhã ficar de sexta a domingo com a Marília. Olha, a gente vai ficar no mesmo hotel”, relata a irmã do copiloto. Ainda segundo Nágila, ela e a outra irmã, que são fãs de Marília Mendonça, pediram para que Tarciso tirasse uma foto com a artista. 

Publicidade

Cerimônias

Tarciso foi velado e sepultado neste domingo (7), em Taguatinga, município que fica a pouco mais de 20 km da capital federal, Brasília. No mesmo horário, também foi realizado o enterro do piloto Geraldo Martins Medeiros, de 56 anos, na Asa Sul. 

Publicidade

Além dos dois profissionais e da cantora Marília Mendonça, a aeronave ainda levava o tio e empresário da artista, Abicieli Silveira; e o produtor artístico Henrique Ribeiro. O acidente ocorrido na cidade de Piedade de Caratinga segue sob investigação dos órgãos competentes. 

Publicidade