in

Fãs teriam tentado saquear lembranças do avião de Marília Mendonça; ‘não faz o menor sentido’, diz jornalista

Segundo informações do programa É De Casa, fãs tentaram furtar objetos da cantora para guardar de lembrança.

Instagram/Marília Mendonça

Na tarde da última sexta-feira, 5, a cantora Marília Mendonça morreu após sofrer um acidente aéreo. Depois disso, de acordo com informações passadas pelo programa É De Casa, da Globo, fãs teriam tentado saquear o avião da sertaneja, que caiu na região de Piedade de Caratinga, em Minas Gerais.

Publicidade

Ao vivo, Manoel Soares pediu para que fãs de Marília e curiosos deixassem de ir até à região do acidente.

A jornalista Tati Machado contou que estava olhando as redes sociais e se deparou com muitos internautas questionando o porquê de o avião ainda estar no local do acidente. Em seguida, ela destacou que foi ótimo o aviso de Manoel para que as pessoas não fossem até lá, ressaltando que há toda uma perícia a ser realizada, para que assim, a causa do acidente seja esclarecida.

Publicidade

Machado ainda destacou que Soares contou haver alguns fãs que tentaram se aproximar da aeronave no intuito de furtar algo da sertaneja para guardar de lembrança. Ao ver da jornalista, esse tipo de atitude, além de perigoso, também “não faz o menor sentido”.

Publicidade

Ana Furtado, por sua vez, repercutiu sobre o assunto, ressaltando que o ocorrido é muito triste e pedindo para que ninguém vá até o local.

Publicidade

Na tarde deste sábado, 6, o corpo da cantora Marília Mendonça saiu do Ginásio Goiânia Arena, onde estava sendo velado por familiares, amigos e fãs, para ser enterrado no Cemitério Parque Memorial. De cima do Corpo de Bombeiros, cantores como Murilo Huff, Henrique e Juliano e Maiara e Maraisa acompanharam o caixão de Mendonça. 

Marília Mendonça morreu aos 26 anos, e deixou um filho, Léo, de apenas 1 ano e 10 meses. 

Publicidade