in

Conheça o trabalho eficaz e inovador do Dr. Gustavo Marcatto e diga adeus às varizes

O Dr Gustavo Marcatto explica que o aparecimento das varizes está ligado à genética, por isso algumas mulheres têm mais do que outras.

Reprodução/Instagram

Bastante afetadas pelos vasinhos e varizes, a população feminina adulta sofre com a doença, principalmente em tratamentos dolorosos e longos, que não trazem um resultado satisfatório em sua maioria. Diretamente da cidade de São José do Rio Preto, no interior de São Paulo, o Dr. Gustavo Marcatto é um dos médicos vasculares que revolucionaram o setor através de suas técnicas aperfeiçoadas, eficazes e inovadoras, com a utilização do laser durante o tratamento da doença.

Publicidade

Apesar de se tratar de uma questão estética, as varizes afetam muito mais que apenas a vaidade. Assim como altera a aparência da pele, a doença causa cansaço, dor, inchaço, surgimento de feridas e até mesmo trombose. O Dr Gustavo Marcatto explica que o aparecimento das varizes está ligado à genética, por isso algumas mulheres têm mais do que outras.

“Durante a faculdade observei o sofrimento de muitas mulheres se submetendo a diversas cirurgias de varizes sem ter uma melhora significativa e um comprometimento estético muito grande que ao longo dos anos ainda evoluíram com complicações como ferida e trombose. Decidi me dedicar a esta área para oferecer tratamentos mais efetivos, duradouros e com melhor resultado estético”, explica o Dr. Gustavo Marcatto.

Publicidade

O médico vascular também ressalta que cada caso de varizes é único e deve ser tratado conforme as necessidades específicas do paciente. O Dr. Gustavo Marcatto ainda afirma que é fundamental ir ao médico ao perceber os primeiros sinais de vasinhos e varizes. Ele afirma que os casos são mais comuns nas pernas, mas também podem aparecer por outras regiões do corpo, como na face, colo e nádegas. Por se tratar de uma doença genética, o tratamento completo, seguro e eficaz é crucial para se evitar as complicações.

Publicidade

“A notícia boa é que, apesar de não existir uma cura definitiva, os novos procedimentos agem de forma mais segura, eficaz e duradoura com a utilização do laser durante o tratamento. É um método seguro que evita em 85% os casos de cirurgia eliminando as varizes e os vasinhos , não precisa de internação ou de repouso, deixando as pernas bonitas e saudáveis com o mesmo procedimento. Antigamente, para tratá-la era preciso fazer cortes na perna e ficar mais de 30 dias de repouso, hoje, não há mais essa necessidade. A paciente realiza o procedimento na própria clínica e volta para casa andando”, conta o médico.

Publicidade
Publicidade