in

Manicure recebe fortuna de atriz famosa, mas devolve dinheiro; motivo vai te emocionar

História sobre destino da quantia deixada para simples manicure, que cuidava das mãos da atriz, viralizou na web.

Divulgação / Shuttershock

Um caso de herança mexeu com a internet nesta quarta-feira, 3/11. A história da manicure norte-americana que recusou o dinheiro deixado por sua cliente causou comoção, por conta do modo como o montante chegou até às mãos da profissional. Jessca Zhu recusou a herança, avaliada no valor de R$ 28 mil e tomou uma atitude que muita gente não pensaria em ter. O dinheiro foi dado a ela pelos bons serviços prestados à atriz Diana Rigg, que faleceu em 2020.

Publicidade

Segundo o site UOL, a manicure trabalhava para Diana desde 2001, cuidando de suas unhas e cutículas das mãos e dos pés. Ao ser citada no testamento, a profissional ficou chocada com a consideração e carinho de Diana. As informações foram apuradas inicialmente pelo site do jornal Daily Mail.

Manicure toma atitude inesperada ao receber herança de atriz famosa

De acordo com a publicação, Jessca não quis o dinheiro e devolveu tudo que recebeu no testamento de Diana Rigg. O que ela não esperava era se tornar um pouco mais conhecido por conta do seu ato sincero. O dinheiro foi devolvido para o neto da atriz, pois ela acreditava que não merecia a quantia. 

Publicidade

A fortuna de Diana Rigg é avaliada em cerca de R$ 16 milhões. A maior parte do dinheiro foi direcionado para a filha da artista, a também estrela Rachael Stirling. Outra parte do dinheiro foi doado para instituições de caridade, familiares e amigos de Diana.

Publicidade

A atriz Diana Rigg foi estrela em alguns papéis marcantes, como a Lady Olenna Tyrell em ‘Game of Thrones’. Sua carreira começou nos anos de 1950 e um dos seus maiores personagens foi em ‘Os vingadores’ dos anos 1960. Diana também esteve nos filmes de James Bond.

Publicidade
Publicidade

Escrito por Tadeu Goulart

Assuntos chocantes, novidades da televisão, famosos e política: tudo você encontra aqui.