in

A Usurpadora: Paola, Paulina e Carlos ficam frente a frente

Paulina marca um encontro com a irmã, e Carlos aparece para confrontá-la nos últimos capítulos de A Usurpadora.

Televisa/Montagem SeriesTurco

Nos últimos capítulos da série A Usurpadora, Carlos conversará com Fernando, conhecendo os detalhes da troca entre Paola e Paulina. Carlos decide apoiar Paulina e defendê-la, mesmo que isso lhe custe a presidência do México.

Publicidade

O presidente pede que Paulina marque um encontro com Paola. Eles se encontram em um museu. Primeiramente Paola e Paulina conversam. A vilã insiste que as duas devem estar unidas, em respeito ao último pedido de Olga antes de morrer.

Paola sugere que chegou a hora de as duas trocarem de lugar e voltarem a realidade de antes. Com isso Carlos entra no local, deixando Paola possessa de raiva. Paulina avisa a irmã que ela não está correndo nenhum perigo e que Carlos apenas lhe pediu para conversar com ela. A usurpadora deixa os dois conversarem sozinhos e sai do museu.

Publicidade

Carlos confronta Paola, perguntando por qual motivo ela precisou fazer isso. Paola diz que não teve escolha, pois lhe pediu o divórcio diversas vezes e ele não concedeu. Paola afirma que se sentia presa a uma realidade que não a pertencia e tudo o que desejava era ser livre, mas ele negou essa liberdade o tempo todo.

Publicidade

Os dois discutem e trocam acusações, e o presidente revela que se apaixonou pela cunhada. Mesmo com um clima tenso entre eles, Paola pode voltar para seu esconderijo em segurança, enquanto Carlos chega na residência presidencial e conversa com Paulina sobre o ocorrido. Carlos aproveita para se declarar para Paulina.

Publicidade

A série A Usurpadora é exibida pelo SBT logo após a novela infantil Carinha de Anjo, por volta das 21h45, horário oficial de Brasília.

Publicidade

Escrito por Guti M

Redator de entretenimento e curiosidades