in

Gênesis: Er tem fim trágico ao ser castigado por Deus e morre sufocado após agredir Tamar

Er (Tiago Marques) morrerá de forma trágica após agressões em Gênesis, novela bíblica da Record.

Record

Er terá um fim trágico na trama bíblica da Record. O mau-caráter será castigado por Deus devido às diversas agressões contra Tamar e acabará morrendo sufocado em Gênesis. Ele terá um mal súbito enquanto estiver discutindo com Judá, que colocará o filho contra a parede devido à violência praticada contra a esposa.

Publicidade

Nas cenas que serão exibidas a partir desta semana, o herdeiro de Israel irá segurar o braço da nora e verá que ela está com muitos hematomas. Ele gritará por Muriel e ficará possesso ao saber sobre o que Er tem feito contra a jovem.

Em seguida, a mãe de Er contará ao esposo que o primogênito é o culpado pelos hematomas. O comerciante pedirá para Tamar contar tudo que Er tem feito com ela. A jovem dirá que sempre que o marido fica nervoso, bate nela. Caindo no choro, ela afirmará que, mesmo fazendo de tudo para agradá-lo, não adianta nada.

Publicidade

Depois, Er chegará em casa e verá Tamar chorando no colo da sogra. Ao ser pressionado pelo pai sobre o fato de gostar de bater em mulher, Judá partirá para cima do filho e perguntará como ele teve coragem de bater na sua mulher.

Publicidade

O crápula justificará que ele foi obrigado a casar e não era justo que sofresse sozinho. Er irá desafiar o pai e falará que vai continuar batendo na jovem. Sem limites, o rapaz debochará que Judá não pode fazer nada para impedi-lo.

Publicidade

Er argumentará que mesmo seu pai lhe dando uma surra, não vai adiantar nada, isso é o máximo que ele vai conseguir. Na sequência, Er começará a sufocar, e deixará os pais, a esposa e o irmão apavorados. O rapaz ficará roxo e morrerá na frente de todos.

Publicidade