in

Nos Tempos do Imperador: Dolores sofre violência doméstica ao apanhar de Tonico com cinto; ‘A mulher é minha’

Tonico (Alexandre Nero) vai dar uma surra na irmã de Pilar (Daphne Bozaski) na novela das seis.

TV Globo

A maldade de Tonico contra Dolores irá passar dos limites na trama das seis. O deputado baterá na mulher com um cinto depois que ela o chamar de demônio pelo fato dele ser insensível em relação à doença de Eudoro. Muito fraco devido à tuberculose, o coronel até tentará defender a herdeira, mas não conseguirá. “A mulher é minha”, falará o vilão em Nos Tempos do Imperador.

Publicidade

Nas cenas que serão exibidas na semana que vem na telinha da Globo, o nordestino terá um ataque de fúria após Dolores subir o tom de voz com ele na frente de Nino. Furioso, o vilão dirá que ela nunca gritou com ele antes, e escolheu fazer isso justamente na frente de um empregado.

A mocinha responderá que estava nervosa por conta do estado de saúde do pai e pedirá desculpa para o mau-caráter. No entanto, ele não aceitará o pedido. Já tirando o cinto da calça, Tonico dirá que agora ela vai aprender a respeitá-lo. Desesperada, a jovem irá implorar para que ele não faça nada contra ela.

Publicidade

No quarto, Eudoro escutará os gritos de socorro da filha. Com muita dificuldade, o coronel tentará ajudar a moça a se livrar do malvado, mas não conseguirá devido às crises de falta de ar. Aos prantos, o fazendeiro pedirá para que Deus acuda a sua filha.

Publicidade

No dia seguinte, o coronel pressionará a filha sobre o que aconteceu e ele não pode fazer nada, Dolores negará a violência doméstica, porém o político interromperá a conversa dos dois para confrontar o sogro.

Publicidade

Sem piedade, o meio-irmão de Samuel ameaçará que ele bate quantas vezes quiser, porque “a mulher é minha, mas a culpa é sua que não educou a sua filha para respeitar o marido. Essa jeca não conhece o lugar dela”.

Publicidade