in

Fátima Bernardes fala sobre preconceito por namorar homem mais novo, e desabafa: ‘Quase um massacre’

A apresentadora participou da série “Isso Tem Nome”, no programa Fantástico.

Twitter | Limal Blue

No último domingo (24), Fátima Bernardes participou da série “Isso Tem Nome”, no programa Fantástico, e desabafou sobre os desafios que enfrenta diariamente por namorar um homem mais novo. De acordo com o site O Fuxico, Fátima e outras personalidades comentaram o fenômeno chamado etarismo, que consiste no preconceito pelo fator idade.

Publicidade

Nesta situação, principalmente mulheres, são criticadas pela idade ao assumirem relacionamentos com homens mais novos. Fátima contou sua experiência ao longo de quatro anos de relacionamento com o deputado Túlio Gadêlha, 25 anos mais novo que ela. A apresentadora afirmou que muitas vezes as falas preconceituosas chegam em forma de elogio.

Nas redes sociais, Fátima e Túlio costumam trocar declarações apaixonadas e aparentam viver um relacionamento baseado no amor e na confiança. A global ressaltou, ainda, que o preconceito por parte das pessoas não se refere somente à idade, mas por qualquer diferença que fuja do padrão imposto pela sociedade.

Publicidade

“Acho que as mulheres que têm relacionamentos com homens muito mais novos é quase que um massacre mesmo“, desabafou Fátima, que ainda afirmou que não vê o mesmo comportamento quando um homem se relaciona com uma mulher mais jovem. No último domingo (24), Túlio publicou uma foto da namorada sem maquiagem em seu perfil e se declarou.

Publicidade

Há cerca de 10 dias, Fátima foi submetida a uma cirurgia em um dos ombros e se afastou da TV temporariamente. Túlio compartilhou fotos da amada em suas redes sociais e afirmou que estaria cuidando dela durante a recuperação.

Publicidade
Publicidade