in

Ludmilla acusa Multishow de boicote e canal responde: ‘Está longe da representatividade ideal’

Canal se pronunciou, por meio de nota, após ter sido acusado pela funkeira de boicotá-la no Prêmio Multishow.

Instagram Ludmilla

Mais um capítulo da polêmica envolvendo a funkeira Ludmilla e o canal Multishow vem dando o que falar. Tudo teve início depois que a cantora afirmou que estava sofrendo boicote do Prêmio Multishow, ao não ter sido indicada nas principais categorias da premiação de 2021. Depois que Lud desabafou sobre o assunto, o Multishow se pronunciou nas redes sociais, afirmando ter tentado entrar em contato com a cantora.

Publicidade

Em um comunicado oficial, o canal ressaltou ter tido um papo com Ludmilla e destacou entender o posicionamento da funkeira, ressaltando que o mundo “ainda está longe da representatividade ideal”. O Multishow ainda disse que a Academia Prêmio Multishow – grupo formado por ao menos 500 especialistas – foi criado no ano de 2019, no intuito de eleger os indicados ao Prêmio Multishow. No entanto, o comunicado ainda destacou que os vencedores da cerimônia são escolhidos pelo público.

Ao comentar sobre a polêmica, o canal fez questão de destacar ter consciência de que a luta pela diversidade precisa ser diária e, inclusive, que eles precisam estar mais comprometidos com tal causa.

Publicidade

O Multishow ainda contou acompanhar Ludmilla desde o início de sua carreira na música e, destacando uma parceria longa e sólida, o canal afirma ter a possibilidade de trocar ideias com a cantora, para que assim evoluam juntos.

Publicidade

E mais, o canal ressaltou ter sido um orgulho ter a presença de Lud em diversas edições da cerimônia nos últimos anos. O Multishow relembra que, além de performances inesquecíveis, a cantora também já foi indicada ao Prêmio Multishow por 12 vezes.

Publicidade
Publicidade