in

The Masked Singer: atração de Ivete Sangalo chega ao fim com Ibope em alta

O programa liderou no Ibope e deixou os concorrentes bem distantes de sua média consolidada.

Reprodução/TV Globo

Conhecido como uma das maiores apostas para o ano de 2021, o reality The Masked Singer Brasil não poderia ter dado um resultado mais positivo para a Globo durante a temporada.

Publicidade

A atração, que chegou ao fim de sua temporada na noite de terça-feira (19), com Priscilla Alcântara como a grande vencedora da temporada, não conseguiu bater seu próprio recorde de audiência, mas teve o terceiro melhor desempenho da história, melhorando dois pontos se comparado à terça-feira anterior.

O programa apresentado por Ivete Sangalo conseguiu média de 20,7 pontos, vencendo todas as concorrentes. Em comparação com as maiores médias da temporada, a final só não venceu o primeiro episódio, que alcançou 21,2 pontos e o terceiro episódio, recorde da temporada, 22 de média. Ainda não se sabe quando será a nova temporada do Masked Singer.

Publicidade

Audiência da Globo e suas concorrentes

A Globo está vivendo uma boa fase na sua audiência, uma vez que a reprise da novela O Clone está crescendo na audiência. Na terça-feira a novela marcou 16 de média, ajudando Malhação a alcançar 17,3 pontos.

Publicidade

A novela das 18h, Nos Tempos do Imperador marcou a audiência de 18,9 pontos e o Jornal Nacional emplacou 25,6 pontos. Império teve 28,3.

Publicidade

Na concorrência, os dados do Kantar Ibope divulgados pelo site Na Telinha dão conta de que a novela Gênesis (14,1) e o Jornal da Record (10,6) foram as maiores audiências da Record. No SBT, as mexicanas Coração Indomável e Te Dou a Vida dividiram o posto de mais vistos do canal, com 7,6 pontos de média, cada.

Publicidade

Escrito por Matheus Feitosa

Escrevo sobre TV, famosos e entretenimento desde 2011.

A atenção nos detalhes é o que nos faz prosperar.