in

Pyong Lee reaparece após 4 meses afastado das redes sociais e pede perdão: ‘abomino quem já fui’

Durante o vídeo o ex-BBB chorou e disse que está muito arrependido, que mudou e agora é um novo homem.

Foto: Pyong Lee/ Reprodução/ Instagram

Na tarde desta sexta-feira (15/10), o ex-BBB Pyong Lee se manifestou em seu Instagram, após 4 meses afastado das redes sociais, depois de um escândalo devido a sua participação do reality show Ilha Record, onde supostamente teria traído sua esposa, Sammy Lee, com a ex-BBB Antonela Avellaneda.

Publicidade

Em um vídeo, o youtuber leu uma carta pedindo perdão por suas atitudes e disse que nada justifica o homem que ele foi, contudo, afirmou que está arrependido, que se libertou e se tornou uma nova pessoa. Emocionado, acabou chorando e afirmou “abomino quem já fui”.

Ao longo do texto, Pyong relembrou que foi abandonado pela mãe e que seu pai morreu de depressão quando ele tinha 12 anos.

Publicidade

O ex-BBB ainda disse que o processo foi doloroso, mas foi acompanhado e orientado por líderes, profissionais e Deus. “Me libertei, me renasci e encontrei minha identidade. Me reconheço como filho de Deus e abomino quem já fui”, disse Pyong.

Publicidade

O hipnólogo também aproveitou o momento para pedir perdão a sua ex-esposa, Sammy, que anunciou a separação logo depois do reality e saiu de casa com o filho, Jake, de apenas 2 anos. Ele afirmou que está arrependido e que lutará para reconquistar sua confiança e o seu amor. Disse também que gostaria de voltar a conversar com ela e que a ama muito.

Publicidade

“Estar perto de você é como um por do sol mais perfeito da primavera e eu seria louco de não lutar por isso”, disse o ex-BBB.

Ele lamentou o distanciamento entre o filho e também pediu desculpas para o pequeno e disse que sente falta de acordar todos os dias ao lado de Jake e ver seu sorriso radiante.

O youtuber finalizou o vídeo pedindo desculpas aos fãs, os amigos e a família que ficaram muito tristes e envergonhados por causa de seu comportamento.

Publicidade