in

Juliette Freire é apontada como pivô da separação entre Daniel Trovejani e a advogada Priscilla Moura

Em suas redes sociais, a advogada confirmou que o fim do relacionamento foi seis dias após o encontro de Daniel e Juliette.

Foto: Metrópoles / Divulgação

Na tarde de terça-feira (12/10), a advogada Priscilla Moura confirmou em suas redes sociais que seu relacionamento com o empresário Daniel Trovejani chegou ao fim no dia 17 de julho, seis dias após o encontro do produtor com a ex-BBB Juliette Freire.

Publicidade

No dia 11 de julho, a ganhadora do BBB foi flagrada com o empresário em um passeio de lancha, no Rio de Janeiro. Em clima de romance, os dois estavam sozinhos e aparentavam já ter intimidade.

Nos stories do Instagram, a advogada ainda disse que não quer mais falar sobre o assunto e aproveitou o momento para esclarecer que não houve noivado e que eram apenas namorados. “Chega de mensagens, chega de perguntas, cuidem da vida de vocês e RESPEITEM a minha!!!”, disse Priscilla, demonstrando estar incomodada com as inúmeras perguntas que tem recebido.

Publicidade

Priscilla não afirmou o motivo do término, mas os internautas presumiram que Juliette foi a causa da separação do casal.

Publicidade

O pronunciamento da ex de Daniel não foi por acaso. Na segunda-feira (11/10), a influencer foi flagrada novamente com o produtor em um restaurante chique, localizado em Petrolina, interior de Pernambuco. O suposto casal estava apreciando a comida local em um jantar romântico, o que só aumentou os burburinhos nas redes sociais.

Publicidade

Segundo o jornal Extra, Daniel que terminou a relação e justificou o fim do namoro dizendo que estava depressivo e que por isso, preferia terminar, pois devido a doença, não iria conseguir se dedicar à namorada. O fato foi confirmado por amigos próximos de Priscilla.

Publicidade
Publicidade