in

Após suposta ofensa de Galvão, amigos e famosos defendem Neymar Jr. nas redes sociais

O narrador teria esquecido seu microfone aberto e seu comentário viralizou nas mídias digitais.

Reprodução: Instagram

Após a polêmica no domingo (10), quando o jogador da seleção brasileira Neymar Jr foi chamado de ‘idiota’ pelo narrador Galvão Bueno ao vivo na Globo, familiares, amigos e fãs do atleta tomaram a dor rebatendo a ofensa. O camisa 10 se mostrou muito chateado sobre o ocorrido, mas não declarou nada a respeito.

Publicidade

De acordo com os internautas, Neymar vem sendo alvo de alfinetadas por Galvão Bueno, fato esse que esteve presente nos comentários como “cai-cai” e “mascarado” apelidado pelo narrador. O vídeo que viralizou na internet com a ofensa ao jogador, teve origem durante a cobertura de fim de jogo entre o Brasil e Colômbia feita pelo repórter Eric Faria.

O repórter comentou a respeito da saída de campo de Neymar logo em seguida ao apito do árbitro, comparando a atitude do craque com os demais jogadores que aguardaram em campo. Porém, enquanto Eric falava sobre a partida, foi possível ouvir ao fundo a fala de Galvão que esqueceu seu microfone aberto e teria chamado o atleta de idiota ao vivo.

Publicidade

A ofensa chocou os telespectadores e em minutos gravações do momento já estavam bombando na web. A irmã de Neymar, Rafaella Santos, em seu Instagram, gravou vídeos nos stories, indignada com a conduta do narrador. “Ah, e um certo senhor, que eu já tinha falado no stories passado, durante a transmissão, chamou o meu irmão de idiota. Será ele ou você? ”, questionou Rafaella.

Publicidade

Thiago Silva, zagueiro da seleção e amigo de Neymar, manifestou seu apoio: “Estarei sempre aqui!! A família Silva te ama”. Outro famoso que saiu em defesa do atleta foi Fábio Hernandes: “Desnecessário as falas do Galvão”.

Publicidade

Além disso, nesta segunda-feira (11), Neymar, pai do jogador não conteve sua indignação e postou um longo texto em sua rede social defendendo o filho e condenando a conduta do narrador, mas sem citar o seu nome. “Ele é meu ídolo, de muitos brasileiros e de outras nações”, declarou o pai do jogador. E complementou exigindo do público e principalmente como forma de indireta a Galvão, o respeito ao ser humano.

Publicidade
Publicidade