in

Repórter do É de Casa reage aos gritos ao vivo após ser preso no globo da morte

O repórter Marcos Paiva encarou globo da morte ao vivo na atração matinal.

TV Globo

O programa É de Casa que foi ao ar hoje (2) mostrou um momento de tensão ao vivo. O repórter Marcos Paiva estava fazendo uma matéria para falar sobre a retomada dos circos ao trabalho após a longa paralisação por conta da pandemia do coronavírus. Porém, o que ele não imaginava é que ficaria preso dentro de um globo da morte e desesperado enquanto alguns motociclistas estavam dando voltas ao seu redor.

Publicidade

Marcos estava conversando com Cissa Guimarães e Thalita Morete diretamente de um circo que fica em Sorocaba, no interior de São Paulo. O repórter estava fazendo entrevista com alguns profissionais do ramo, que relembraram a importância de todos continuarem com as medidas de proteção em lugares públicos.

Em seguida, dois palhaços do espetáculo entraram ao vivo para mostrar de forma bem humorada como se deve seguir as medidas de segurança contra a doença. Enquanto estava mostrando várias atrações do circo, o global destacou o globo da morte.

Publicidade

Ele começou dizendo que o local era um pouco apertado e que cabia seis motos, disse que iria entrar um pouco, somente para mostrar aos telespectadores.

Publicidade

Com ele já dentro da jaula, um dos palhaços fechou a porta do local. A situação que já é combinada resultou em muitos gritos no matinal.

Publicidade

Após isso, vários motociclistas ficaram rodando ao redor do repórter, que demonstrou estar assustado. Em seguida, ele pediu para sair de dentro do local e ficou feliz ao se livrar da situação inesperada.

No estúdio, Thalita confessou que ficou apreensiva ao ver o colega aos gritos. No entanto, Cissa continuou rindo da situação.

Publicidade
Publicidade