in

Bonner e Renata expõem Michelle Bolsonaro e ficam no vácuo ao vivo no Jornal Nacional

Governo federal deixou jornalismo da Globo sem resposta após questionamento mais uma vez.

Reprodução Globo

William Bonner e Renata Vasconcellos apresentam o Jornal Nacional diariamente na TV Globo. Todos os dias, os jornalistas levam ao público diversas notícias sobre o Brasil e o mundo. O cenário político brasileiro, sempre tão conturbado, é notícia com frequência.

Publicidade

Na edição desta sexta-feira (1º), Bonner e Renata levaram ao ar reportagem importante sobre a primeira-dama Michelle Bolsonaro. A esposa do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) será investigada pelo Ministério Público Federal devido a suposta ação para liberar empréstimos para amigos.

Os valores emprestados pela Caixa Econômica Federal via Pronamp teriam tido a influência da primeira-dama, que solicitou que empréstimos fossem dados para amigos, como uma doceira de Brasília e um floricultor da mesma cidade.

Publicidade

Os empréstimos aconteceram no período de pandemia, quando muitos empresários ficaram necessitados de dinheiro para manter seus negócios abertos. A influência, se comprovada, é ilegal. A Caixa informou, por meio de nota lida por Bonner, que o processo de empréstimo é automatizado e sem interferência humana.

Publicidade

Governo federal deixa JN no vácuo

A relação do governo federal com a Globo não é nada boa. Por isso, em muitos momentos, o jornalismo da Globo acaba ficando no vácuo e sem resposta do governo. Foi o que aconteceu neste caso. “O Palácio do Planalto não deu retorno ao nosso contato”, disse Bonner, ao vivo no Jornal Nacional. Ao não responder ao JN, o governo deixa sem resposta, milhões de brasileiros que assistem ao telejornal da TV Globo.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network. Aqui escrevo sobre política, futebol, TV & famosos e qualquer outro assunto que esteja repercutindo no Brasil e no mundo.
Entre em contato comigo pelo @DiogoMarcondes no Twitter!