in

Império: com dor de cotovelo e aos prantos, Maria Marta se joga nos braços de Silviano

Maria Marta (Lilia Cabral) dançará com Silviano (Othon Bastos) em momento de fraqueza.

TV Globo

Maria Marta ficará com dor de cotovelo ao ter que conviver com o comendador e Maria Ísis debaixo do mesmo teto. Após ficar embriagada e sozinha, a madame será consolada pelo mordomo, que a convidará para dançar no folhetim de Aguinaldo Silva.

Publicidade

Antes disso, José Alfredo chegará na mansão da família cuspindo fogo em cima da matriarca dos Medeiros. Ele questionará se a ricaça está por trás das falcatruas de Merival. Ela ficará ofendida e lembrará o empresário sobre tudo que passou enquanto o amado forjou sua própria morte.

Após isso, na cena que será exibida na semana que vem, Silviano verá a imperatriz deitada no sofá aos prantos. O empregado dirá que não está tripudiando dela, mas ele precisa lembrá-la que caso as coisas voltem ao normal na mansão e o comendador volte a ocupar o trono, isso não seria bom para ela.

Publicidade

A dondoca dirá que José Alfredo a humilhou mais uma vez. E era melhor que ele estivesse mesmo morrido, ou que continuasse preso. Logo, o funcionário dirá que o homem de preto está fazendo muitas inimizades, e precisa se atentar a isso.

Publicidade

Exausta, a personagem de Lilian Cabral ficará de pé e colocará uma música para eles. A senhora convidará o mordomo para uma dança em homenagem aos velhos tempos. Ambos se abraçarão e curtirão o momento romântico, Marta chorará com a cena.

Publicidade

Do seu quarto, Maria Clara acordará ao ouvir o som alto da música e decidirá descer a escada para ver o que está acontecendo. Ao ver a matriarca abraçada com o funcionário, ela achará tudo muito estranho.

Quando o dia amanhecer, a namorada de Vicente contará para João Lucas a cena que viu. Juntos, eles decidirão investigar a vida do funcionário e farão algumas perguntas sobre ele para uma empregada da casa. A mesma dirá que acha que o homem já foi casado.

Publicidade
Publicidade