in

Mileide Mihaile sai vitóriosa na Justiça após a descoberta de falsificação de provas para incriminá-la

A vitória de Mileide foi definida após a descoberta de falsificação de provas por parte da acusação.

UOL

Mileide Mihaile saiu vitoriosa em segunda instância contra a ex-babá de seu filho, Yhudy, com o cantor Wesley Safadão. Clarice Pereira, ex-funcionária de Mileide, havia acionado a ex patroa na Justiça a fim de cobrar direitos trabalhistas, além de solicitar uma indenização por danos morais devido a uma suposta humilhação por parte da influencer, que segue na casa de a A Fazenda 13.

Publicidade

Segundo informações divulgadas pela coluna Fábia Oliveira, do portal de notícias O Dia, mesmo tendo recebido todos os valores solicitados por conta de sua rescisão contratual, Clarice foi condenada a indenizar Mileide em 9% do valor da causa, cerca de R$ 11 mil, após ser descoberta uma falsificação das conversas de Whatsapp utilizadas pela acusação.

De acordo com a sentença proferida pelo juiz, a acusação agiu de má fé ao faltar com a verdade. Ainda de acordo com a decisão, Clarice não teria reunido documentos que justificassem o pedido de indenização por danos morais.

Publicidade

Para entrar com a ação, a acusação usou o argumento de que a babá teria sido destratada pela influencer, que teria usado palavras grosseiras através de mensagens pelo WhatsApp, porém, utilizando-se de provas concretas, a defesa de Mileide conseguiu derrubar a argumentação da acusação e o magistrado constatou que as conversas se tratavam de montagens.

Publicidade

Além disso, Clarice não conseguiu levar ao tribunal pessoas que testemunhassem em sua defesa, enquanto três testemunhas afirmaram que o tratamento dispensado por Mileide para sua ex-funcionária era de amizade.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Higor Mendes

Redator com três anos de experiência, apaixonado por história da Segunda Guerra Mundial, política, futebol e curiosidades em geral.