in

Com imagens fortes, Leo Stronda mostra como ficou depois de acidente com botijão de gás: ‘30% do corpo queimado’

O influenciador compartilhou com os seus seguidores como está a sua recuperação.

REPRODUÇÃO/INSTAGRAM LEO STRONDA

O fisiculturista, cantor de hip-hop e influenciador digital Leo Stronda passou maus bocados após um acidente doméstico gravíssimo. Um botijão de gás explodiu na casa do influencer, o deixando com várias queimaduras pelo corpo, tendo que ser socorrido às pressas. 

Publicidade

Leo deu detalhes de seu acidente no seu Instagram na última segunda-feira (20/09), e contou que foi esse o motivo pelo qual ele estava afastado das redes sociais há duas semanas. Segundo ele, nesse período ele teve que passar por diversas cirurgias plásticas para ajudar no processo de cicatrização do seu corpo.

O influencer voltou a falar sobre a sua recuperação recentemente, e deu mais detalhes sobre sua internação. De acordo com o cantor, ele teve cerca de 30% do seu corpo queimado por conta do acidente. No entanto, ele estava feliz, pois os dias de hospital parecem estar acabando

Publicidade

Hoje é um dia muito abençoado. Parece que é a última vez que desci para o centro cirúrgico para fazer as últimas trocas de curativo e cirurgia plástica‘; disse o artista em seus stories.

Publicidade

Stronda mostrou ainda em suas redes o antes e depois de sua mão, que chegou no hospital muito ferida, mas que aparenta estar cicatrizando bem. Abaixo você pode ver sua mão já em um bom estágio de cicatrização. Com a foto, ele alertou seus seguidores: ‘Vocês não fazem ideia do quanto dói‘; disse ele.

Publicidade

O artista espera ter alta médica nos próximos dias e contou que o seu metabolismo acelerado foi essencial para a sua rápida recuperação. Segundo ele, o seu processo de cicatrização foi duas vezes mais depressa do que o normal, por conta de sua vida de atleta.

Publicidade
Publicidade

Escrito por Jean Marangoni

Influenciador digital responsável pelas páginas 'Mussum Sinceris' nas redes sociais, trabalho também com jornalismo online há 3 anos. Para sugestões entre em contato: jeanmarangoni@gmail.com