in

Após quase tirar a vida, Andressa Urach ataca Bispo: ‘Se minha alma for pra o inferno a culpa é do senhor’

A modelo usou as redes sociais para afirmar que estava internada em uma clínica psiquiátrica.

Instagram | Andressa Urach | Record TV

Recentemente, a assessoria de imprensa de Andressa Urach veio à público informar que a modelo estava internada tratando uma infecção urinária. Andressa está grávida de seu primeiro filho com o oficial de justiça Thiago Lopes. Porém, na última quinta-feira (23), Urach veio à público para desmentir a informação e contar o real motivo de sua internação.

Publicidade

A modelo revelou que esteve internada em uma clínica psiquiátrica por oito dias após tentar tirar a própria vida e o bebê que espera. Em desabafo em seus stories no Instagram, Urach contou que possui Síndrome de Borderline e estaria lutando contra a doença, que agravou a raiva que sente pela Igreja Universal.

De acordo com Andressa, ela se sente usada e enganada após ter doado cerca de 2 milhões de reais à instituição na época em que era membro. Urach disse, ainda, que já tentou por diversas vezes com que a igreja devolvesse os valores que lhe estariam fazendo muita falta.

Publicidade

Em seu Instagram Stories, a modelo publicou um print de uma mensagem enviada a Edir Macedo, fundador da igreja, pedindo para que ele devolvesse os valores doados. “Se a minha alma for para o inferno, a culpa é do Senhor Bispo Macedo, e principalmente da tua filha Cristiane Cardoso, que ela sabe o que fez comigo“, escreveu Andressa.

Publicidade

A modelo ainda afirmou que a igreja não se preocupava com a alma das pessoas, e sim com os valores doados à instituição. Ainda em seus stories, Urach compartilhou mensagens de pessoas que teriam testemunhado suas doações à igreja, como um carro de luxo e bolsas de grife.

Publicidade
Publicidade
Publicidade