in

Alexandre Garcia diz que ‘remédios sem eficácia salvaram vidas’ e recebe resposta ao vivo

Jornalista afirmou que remédios devem ser usados nas fases 1 e 2 da doença; não eficácia comprovada cientificamente.

Reprodução CNN Brasil

Alexandre Garcia participa diariamente do quadro Liberdade de Opinião, na CNN Brasil. A emissora deixa claro que as opiniões emitidas pelos seus colunistas não é, necessariamente, a opinião do canal de notícias da TV paga brasileira.

Publicidade

Na edição desta sexta-feira (24), Alexandre Garcia afirmou, sem provas, que remédios sem eficácia comprovadas contra a Covid-19 ajudaram a salvar milhares de vidas. O jornalista não deu detalhes de onde tirou essa informação e nem citou os remédios nominalmente.

Normalmente, os defensores do chamado – e cientificamente comprovado ineficaz – tratamento precoce defendem o uso de medicamentos como hidroxicloroquina, entre outros. Garcia disse ainda que esses remédios devem ser usados nas fases 1 e 2 da Covid-19.

Publicidade

Segundo ele, quando a pessoa está hospitalizada ou intubada, o remédio não funcionaria mais. Cientistas afirmam que o remédio não funciona em fase nenhuma. O veterano do jornalismo brasileiro ainda disse que a questão de eficácia comprovada só será descoberta daqui há três anos. “Agora tudo é experimental”, afirmou ao vivo na CNN Brasil.

Publicidade

A apresentadora Elisa Veeck, em seguida, desmentiu a fala de Garcia ao vivo no canal de notícias. A apresentadora do programa Novo Dia disse que as opiniões dos comentaristas não refletem a posição da emissora. “A CNN ressalta que não existe um tratamento precoce comprovado cientificamente para prevenir a Covid”, disse a jornalista. Garcia tem colecionado polêmicas no quadro Liberdade de Opinião com suas proposições sobre a pandemia.

Publicidade
Publicidade

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network. Aqui escrevo sobre política, futebol, TV & famosos e qualquer outro assunto que esteja repercutindo no Brasil e no mundo.
Entre em contato comigo pelo @DiogoMarcondes no Twitter!