in

Ator Luiz Carlos morreu por asfixia acidental durante prática de masoquismo sexual; diz laudo

De acordo com laudo divulgado pela polícia, não foram observadas lesões externas no pescoço do ator.

UOL | Divulgação

Na última semana, o corpo do ator Luiz Carlos Araújo foi encontrado por amigas no apartamento onde ele morava. De acordo com o site UOL, a atriz Marilice Cosenza estranhou o fato do ator não estar atendendo às suas ligações e pediu para que amigas em comum fossem até ao local verificar o que havia acontecido.

Publicidade

Ao chegarem no apartamento, se depararam com Luiz Carlos sem vida. Segundos os relatos de Marilice, o corpo do ator aparentava estar no local há cerca de três dias. Desde então, a polícia passou a investigar a morte, não descartando possibilidades como homicídio. Em entrevista ao programa Melhor da Tarde, o delegado Roberto Monteiro, da 1ª Seccional Centro/Capital, já havia comentado algumas hipóteses.

Na ocasião, Monteiro explicou que a polícia também não descartava que o ator pudesse ter falecido devido à prática sexual asfixiofilia. A prática é considerada um subtipo do transtorno masoquista sexual, onde as pessoas restringem a respiração para aumentar a excitação sexual.

Publicidade

Na última quarta-feira (22), o laudo realizado pelo IML (Instituto Médico Legal) foi divulgado pela polícia e confirmou que a morte de Luiz Carlos ocorreu por asfixia acidental. O corpo do ator foi encontrado com um saco preto envolvendo a cabeça. De acordo com o laudo, não foram encontrados sinais de lesões na parte interna ou externa do pescoço.

Publicidade

Um trecho do documento explica como se deu a morte de Luiz Carlos em decorrência da prática: “A vítima foi encontrada com um saco preto na cabeça, prática essa conhecida em Literatura Médica como re-respiração, usada com certa frequência para aliviar a respiração rápida e descontrolada em situações de ansiedade e em muitas práticas de asfixiofilia/parafilias“. O laudo também concluiu que o ator estava sob o efeito de substâncias ilícitas.

Publicidade
Publicidade
Publicidade