in

Império: tentativa de abuso sexual contra Cora desencadeia duas mortes na trama

Em Império, Cora empunhará uma arma e, para evitar abuso sexual, assassinará Reginaldo.

(Reprodução/TV Globo/Fotomontagem/Mateus Guimarães)

Em Império, Cora (Marjorie Estiano) precisará reviver seus dias como uma assassina fria para evitar um crime hediondo contra ela. A megera precisará se defender para que não seja abusada sexualmente no decorrer da trama da TV Globo. Isso porque ela terá o seu quarto invadido por Reginaldo (Flávio Galvão), enquanto estiver em um sono profundo.

Publicidade

Preparando-se para tirar a virgindade de Cora, Reginaldo invadirá o domicílio da bandida e partirá para cima da jovem. Surpresa, Cora fará de tudo para se livrar das garras do tarado e não medirá nas suas ações para evitar que seja violentada. 

Cora mata Reginaldo em Império

Ouriçado ao saber sobre a virgindade de Cora, Reginaldo decidirá ter relações sexuais forçadas com a megera. Contudo, ele não esperava que Jurema (Elizângela) flagrasse a cena do marido tentando um abuso contra a tia de Cristina (Leandra Leal). Aproveitando-se da distração do bandido, Cora pegará a arma na sua cabeceira e apontará para Reginaldo.

Publicidade

“Se der um passo, eu atiro”, prometerá a vilã. Ao perceber que Jurema caiu da escada ao se espantar com a cena presenciada, Cora acusará o homem de ter empurrado a esposa pelos degraus. Ele prontamente negará o feito. A megera, porém, rebaterá, afirmando que se não foi uma morte provocada por um empurrão, foi pelo desgosto. 

Publicidade

Cora xingará Reginaldo, chamando-o de pecador, por não respeitar a sua castidade. Dando de ombros para as falas de Cora, o homem não economizará no deboche. “Quem é você para me julgar?”, questionará Reginaldo. Astuta, Cora dirá que apenas Deus poderá julgar o garimpeiro e ele fará isso agora. Após sua fala, Cora disparará duas vezes contra o potencial abusador.

Publicidade

Vale destacar que quando a polícia encontrar Reginaldo e Jurema mortos, Cora dirá às autoridades que Reginaldo tentou violentá-la, e, após ser flagrado, empurrou a esposa escada abaixo em Império. 

Publicidade
Publicidade