in

Lembra dela nos Trapalhões e Escolinha? Com Alzheimer, Marina Miranda entra em coma e estado é irreversível

Atriz que fazia dupla com o humorista Tião Macalé completa 91 anos no próximo dia 30 de setembro.

REPRODUÇÃO/GLOBO - REPRODUÇÃO/INSTAGRAM

A atriz e comediante Marina Miranda fez parte de diversos programas humorísticos da Rede Globo entre a década de 60 e início dos anos 2000. Sua carreira na emissora começou em 1968 com a atração “Balança Mas Não Cai”. Em seguida, participou de novelas como “Dona Xepa” e Dancin’ Days.

Publicidade

Marina Miranda ganhou notoriedade ao fazer dupla com o também humorista Tião Macalé onde usavam o bordão ‘Crioula difícil’ que ganhou todo o país. Nas décadas seguintes, a atriz também se destacou em programas de muito sucesso da Globo, como “Os Trapalhões” e a “Escolinha do Professor Raimundo”, onde vivia a aluna Dona Mandala.

Prestes a completar 91 anos de idade, Marina Miranda vem lutando contra o Alzheimer e algumas outras enfermidades, no entanto, segundo a sua filha Sylvia Miranda informou em seu Instagram, a atriz agora está em coma e seu estado é irreversível.

Publicidade

Sylvia contou aos seus seguidores que está lutando para que sua mãe tenha uma morte digna. A atriz se encontrava em uma UPA, mas foi transferida para o hospital Miguel Couto, onde ela poderá receber visitas de amigos e familiares. A família ainda tenta colocar Marina em um hospital particular, para que a filha possa ficar com ela como acompanhante. 

Publicidade

Veja abaixo um dos hilários quadros que a comediante Marina Miranda fez com o grupo Os Trapalhões contracenando com Mussum, Renato Aragão e Teresinha Elisa:

Publicidade

No ano passado, quando completou 90 anos, Marina Miranda ganhou um livro com a sua trajetória. O livro “Marina Miranda – Além da Crioula Difícil” foi escrito por Clóvis Corrêa.

Publicidade
Publicidade

Escrito por Jean Marangoni

Influenciador digital responsável pelas páginas 'Mussum Sinceris' nas redes sociais, trabalho também com jornalismo online há 3 anos. Para sugestões entre em contato: jeanmarangoni@gmail.com