in

Filho de Schumacher abre o coração sobre a falta que sente do pai: ‘Um pouco injusto’

Mick deu entrevista ao documentário sobre Schumacher que estreou na Netflix nesta quarta-feira (15).

Arquivo pessoal Mick Schumacher

Michael Schumacher foi um dos maiores pilotos da história da Fórmula 1. Heptacampeão mundial, o alemão encantou uma geração de apaixonados pela categoria mais famosa do automobilismo. Atualmente, Schumi vive na casa da família, na França, se recuperando de acidente enquanto esquiava.

Publicidade

No dia 29 de dezembro de 2013, Schumacher bateu com a cabeça em uma pedra nos Alpes Franceses. O ex-piloto de Fórmula 1 sofreu um grave traumatismo craniano e não se recuperou até hoje. A família mantém o estado de saúde dele trancado a sete chaves.

A mansão onde moram é guardada por seguranças para evitar que curiosos se aproximem. Nesta quarta-feira (15), o documentário Schumacher estreou na Netflix e tornou-se assunto nas redes sociais. Muita gente que já assistiu se emocionou com o que viu.

Publicidade

Corinna, esposa de Schumi, dá depoimento emocionante. Quem também fala é Mick, de 22 anos, filho do ex-piloto e atualmente corredor da Haas. “Desde o acidente, esses momentos em família, que acredito que muitas pessoas passam com os pais, não estão mais presentes, ou em menor grau, e a meu ver isso é um pouco injusto”, desabafou.

Publicidade

Mick também afirmou que ele e o pai estariam falando uma linguagem semelhante neste momento: a do automobilismo. Para o jovem, ele e Schumi teriam muito o que conversar sobre o tema. Mick afirmou que desistiria de tudo só para poder viver esse momento com o pai. Schumacher marcou época na história do esporte mundial e está no coração de todos os amantes da Fórmula 1. Schumacher tem 52 anos.

Publicidade

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network. Aqui escrevo sobre política, futebol, TV & famosos e qualquer outro assunto que esteja repercutindo no Brasil e no mundo.
Entre em contato comigo pelo @DiogoMarcondes no Twitter!