in

Empresa criadora do Big Brother Brasil se pronuncia sobre veto a Marcos Mion

Pelo Instagram, a Endemol Shine Brasil se pronunciou a respeito do veto noticiado pelos portais

Marcos Mion | Foto: Reprodução Rede Globo

A Endemol Shine Brasil por meio de nota divulgada na tarde da última terça (14) se pronunciou sobre o suposto veto a Marcos Mion no comando do Big Brother Brasil.

Publicidade

Conforme noticiado por vários sites, a Endemol não estaria de acordo caso Marcos Mion fosse escalado para apresentar o reality em substituição a Tiago Leifert que anunciou sua não renovação contratual na última semana.

O motivo seria pelo currículo de Mion. Por ter apresentado o reality rural A Fazenda, de propriedade da Strix, principal concorrente da Endemol, o ex funcionário da RecordTV estaria vetado para comandar a edição 23 do Big Brother Brasil.

Publicidade

Na nota, a Endemol Shine Brasil desmente sobre não concordar com a suposta apresentação de Mion na temporada 22 do reality mais vigiado do país.

Publicidade

Publicidade

Segundo informações obtidas pela coluna, mesmo após o convite da Rede Globo ao jornalista Tadeu Schmidt do Fantástico, Marcos Mion continua na lista de favoritos para apresentar o BBB com o aval e torcida de vários funcionários e diretores do canal.

O futuro do novo apresentador do Big Brother Brasil ainda é incerto, mas segundo informações que circulam pelos corretores da Globo, a emissora pretende anunciar o novo apresentador o quanto antes, mesmo com a estreia do reality marcada apenas para janeiro. O nome de Tadeu teria sido escolhido pensando em seguir com o padrão de ter um jornalista a frente do formato. Segundo a fonte, a emissora acredita que um jornalista que já tenha passado pelas redações do Grupo Globo manterá a credibilidade que o reality precisa.

Publicidade
Publicidade

Escrito por Daniel Spagnuolo

Jornalista MTB 0090259/SP, apresentador e locutor.
Escrevo sobre TV e Famosos há 12 anos e hoje faço parte do podcast tvemais
Instagram @danielbsn
Twitter: @odanielbsn