in

Datena diz que perdeu parte do pâncreas por causa da bebida e que já tentou fumar maconha

No Brasil Urgente, o comunicador relatou que já tentou consumir maconha, mas ao que tudo indica ele se arrependeu.

Reprodução/Band

O apresentador Datena fez uma revelação enquanto comandava o Brasil Urgente na última sexta-feira, 10. O comunicador contou ter perdido parte do pâncreas por causa do consumo que fazia de bebidas alcoólicas. E mais, o apresentador ainda revelou já ter tentado fumar maconha.

Publicidade

Mesmo assim, o comunicador da Band ressaltou que nunca usou e nunca gostou de drogas. Já comentando sobre a cerveja, Datena disse já ter consumido muito a bebida o que acabou lhe custando parte do pâncreas. 

Ainda no programa, após a exibição de uma reportagem a respeito de apreensão de drogas, o comunicador contou já ter tentado consumir maconha no passado. Datena contou que isso aconteceu quando ele era apenas um moleque, “uns 16, 17 anos”. No entanto, ao que tudo indica a experiência não foi nada boa, já que o comunicador afirma que foi “a coisa mais horrível” de toda a sua vida.

Publicidade

Em seguida, Datena ainda relatou que tomando cerveja ele era mais doido do que as pessoas que fumavam esse “negócio”.

Publicidade

Recentemente, Datena também se tornou manchete nos principais meios de comunicação brasileiros após fazer um protesto durante o Brasil Urgente .

Publicidade

No dia 31 de agosto, o apresentador comandou boa parte do programa com as luzes do estúdio apagadas. Com isso, Datena simulou um apagão, diante do aumento absurdo que está tendo na conta de energia e da crise hídrica enfrentada pelo país.

Toda encenação aconteceu enquanto o jornalista criticava o ministro Paulo Guedes, da Economia, e o aumento do valor nas contas dos consumidores.

Publicidade
Publicidade
Publicidade