in

‘Pesadelo’, diz Patrícia Poeta ao revelar que correu risco de morte em cirurgia

A apresentadora precisou fazer uma cirurgia de emergência e assustou o público do ‘Encontro’.

Reprodução/Instagram oficial de Patrícia Poeta

Patrícia Poeta utilizou suas redes sociais nessa última quinta-feira (10) para fazer um grande desabafo sobre a cirurgia de emergência que foi submetida durante essa semana. Além disso, revelou alguns detalhes do procedimento realizado e de sua recuperação. A apresentadora fez uma cirurgia de risco nas amígdalas e precisou se afastar da TV até se recuperar totalmente.

Publicidade

Utilizando seu perfil no Instagram, Patrícia contou que está se recuperando do susto e já está indo para casa para terminar sua recuperação. No entanto, ressaltou que viveu um verdadeiro pesadelo desde a realização do procedimento e aproveitou para refletir um pouco sobre toda a situação, afirmando que tem tentado entender melhor o que aconteceu após a ficha começar a cair.

A apresentadora da Rede Globo deu um grande susto no público nessa última segunda-feira (06), ao anunciar que precisou fazer uma cirurgia de emergência nas amígdalas e que iria se afastar por tempo indeterminado.

Publicidade

Publicidade

Como percebeu a inflamação nas amígdalas 

Patrícia Poeta também contou como percebeu que tinha algo errado em sua garganta e o quanto o procedimento era de risco. A apresentadora disse que acordou com uma leve dor de garganta na semana passada, mas que tudo parecia controlado após ter se medicado.

Publicidade

Porém, o que parecia ser uma leve inflamação acabou crescendo muito e chegando até a base de seu pescoço, fazendo seu rosto ficar desfigurado. Além disso, contou que o medo cresceu bastante após o médico dizer que era preciso operar com urgência no mesmo dia, já que o risco de vida era alto devido o aumento do inchaço.

A jornalista ainda revelou que não sofreu apenas com a dor física após a cirurgia e que seu psicológico também foi muito afetado, afirmando que precisou exercitar a paciência e o pensamento positivo após algumas horas de operação. 

Para terminar, revelou ter mantido a paciência para reaprender pequenas coisas que se tornaram bem difíceis após a cirurgia, como abrir a boca para falar e comer, e ressaltou que é preciso respeitar o tempo do próprio corpo e da mente.

Publicidade
Publicidade
Publicidade