in

Afinal, o que Celso Portiolli tem a ver com os atentados de onze de setembro?

Memes das redes sociais assossiaram o nome do apresentador aos atentados das Torres Gêmeas.

REPRODUÇÃO/TWITTER - REPRODUÇÃO/SBT

O nome do apresentador Celso Portiolli voltou a ser ligado ao fatídico ato terrorista de onze de setembro de 2001, exatamente 20 anos depois dos aviões terem colidido com as Torres Gêmeas do World Trade Center, em Nova York. Celso começou a figurar entre os assuntos mais comentados no Twitter justamente na manhã deste sábado (11/09). Mas afinal, o que o apresentador tem a ver com tudo isso?

Publicidade

Na verdade, Celso Portiolli não tem nada a ver com os atentados de onze de setembro, e o meme existente é justamente em cima desse fato. Entendeu? Vamos tentar explicar.

Esse assunto começou a circular pelas redes sociais em 2019, 18 anos após os atentados. Na ocasião, foi criado um meme dizendo exatamente que Celso Portiolli não teve nada a ver com o onze de setembro. A brincadeira cresceu e virou uma página no Facebook que conta hoje com 91 mil seguidores.

Publicidade

O humor da página “Celso Portiolli não teve nada a ver com o 11 de Setembro” está justamente em negar o óbvio. Muitos não entendem o porque dos memes e começam a pesquisar na internet quais seriam os boatos a respeito do envolvimento do apresentador, e acabam não encontrando nada, pois nunca houve boato nenhum.

Publicidade

O próprio Celso Portiolli já fez questão de brincar com o meme durante um dos seus programas no SBT:

Publicidade

Desde que o meme foi criado nas redes sociais, muitas montagens apareceram tentando incriminar o apresentador, enquanto outras o absolvem. E dessa maneira, mesmo que Celso Portiolli não tenha nada a ver com os atentados, o seu nome passou a ter ligação com os mesmos, mesmo que seja em forma de negação.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Jean Marangoni

Influenciador digital responsável pelas páginas 'Mussum Sinceris' nas redes sociais, trabalho também com jornalismo online há 3 anos. Para sugestões entre em contato: jeanmarangoni@gmail.com