in

Luisa Mell faz revelação ao contar sobre resgate de cachorro e diz que atropelou bandido

A ativista contou a situação inusitada durante participação no programa de Fábio Porchat.

Reprodução/Instagram oficial de Luisa Mell

Luisa Mell participou recentemente do programa “Que História é Essa, Porchat?”, do canal GNT, e participou de uma conversa descontraída com o apresentador e mais alguns convidados. A ativista contou uma situação maluca durante um resgate de um cachorro ferido em uma comunidade, e revelou que atropelou um bandido durante a ação.

Publicidade

O programa, comandado por Fabio Porchat, faz grande sucesso no país e revela histórias engraçadas e surpreendentes dos participantes famosos da atração, além de alguns relatos divertidas de integrantes da plateia.

Resgate em uma comunidade

A ativista começou contando que estava em casa com seu filho Enzo, quando recebeu uma ligação por volta das 21h contando sobre um cachorro ensanguentado que havia sido encontrado em uma comunidade. Ela decidiu ligar para Rafael Leal, um de seus parceiros nos resgates, implorando para ele a acompanhar, apesar do horário.

Publicidade

Enquanto estava dirigindo até o cachorro, Luisa contou que foi ficando cada vez mais escuro e apareceu uma moto ‘do nada” que bateu em seu carro, jogando o piloto no chão. Além de ser um local muito deserto, ela disse que começou a chegar muitos homens e ficou desesperada, já que o piloto estava machucado. 

Publicidade

Ao tentar ligar para a polícia, os homens no local informaram que militares não entram na comunidade e que não adiantava tentar. Rafael tentou avisar que eram bandidos e pediu para saírem de lá, mas acabaram sendo abordados por um do bando.

Publicidade

Tentativa de levar o piloto ferido para o hospital

Ao ser abordada, Luisa revelou que só conseguiu dizer o motivo de estar ali na comunidade e declarou que tinha deixado seu bebê em casa para fazer o resgate do cachorro. A ativista acredita que esse desabafo salvou sua vida na enrascada e acabaram decidindo colocar o bandido ferido em seu carro para ir a um hospital.

No entanto, o piloto falou que não poderia ir pois estava sem documento, e Luisa se ofereceu para levá-lo em casa. Após dirigir seguindo as instruções do jovem, eles chegaram um local que ela definiu como: “quebrada que era ainda quebrada” e foram cercados por muitas pessoas que foram até seu carro.

Luisa Mel pediu calma e contou que estava apenas trazendo o homem ferido para pegar um documento, mas ele disse que não iria para o hospital. A ativista conseguiu pegar o número de telefone do bandido e seguiu para resgatar o cachorro.

No dia seguinte, ela ligou para o homem e ele revelou que não foi para o hospital porque era um bandido, além de já ser procurado pela polícia. Porém, Luisa continuou preocupada por ele estar ferido e contou que pagou um remédio para ele fazer uso enquanto se recuperava do acidente.

Publicidade
Publicidade
Publicidade