in

Sensação do YouTube, Ana Landim conta como realizar o sonho de viver na Flórida

Influencer morou quase nove anos no nordeste do país e há três anos vive com a família no estado de clima tropical.

Reprodução/Instagram

Desejada por nove em cada dez brasileiros, a Flórida é um dos lugares dos Estados Unidos que mais atraem turistas todos os anos. O clima tropical, os parques de diversão e a diversidade cultural, especialmente de norte-americanos e imigrantes da América Latina, fascinam famílias ao redor do mundo. Morando lá desde 2018, a youtuber Ana Landim, com base na experiência de sua família, assegura: é possível realizar o sonho de viver em uma das regiões mais cobiçadas do planeta.

Publicidade

Sensação do YouTube, plataforma em que conta com 700 mil inscritos, a influencer, antes de viver o sonho da Flórida, morou no nordeste dos Estados Unidos por quase nove anos. Em 1996, ela e o marido, que também produz vídeos para a internet, Paulo Landim, entraram no país com visto de turista – e por lá ficaram. Nesse período, tiveram dois filhos, uma menina – a também youtuber Poli Landim – e um menino.

A família voltou ao Brasil em 2004. A terceira filha, Fabiana Landim, também youtuber, nasceu em solo brasileiro. Depois de quase 15 anos no Brasil, os Landim decidiram retornar aos Estados Unidos.

Publicidade

Com os dois filhos norte-americanos, todos puderam se legalizar. Desta vez, para escapar do frio do nordeste estadunidense, escolheram a calorosa Flórida.

Publicidade

No YouTube, com conteúdo focado na família, Ana Landim divide com o público como é viver em Winter Garden.

Publicidade

Também tem interesse em mudar para a Flórida? Então, confira, a seguir, três dicas da influencer para realizar este sonho.

1) Aprenda a falar inglês o quanto antes

“Quem quer vir para os Estados Unidos e nunca pisou aqui deve aprender o idioma o quanto antes. De preferência, comece a estudar logo. Quanto mais você dominar o idioma, mais fácil as coisas serão.”

2) Vá atrás da documentação

“Ao mesmo tempo que estuda inglês, vá atrás da documentação. E preciso ter planejamento e organização. Vão aparecer muitas pedras no caminho, mas não desista. A documentação pode demorar um pouco, mas insista.”

3) Não dê ouvidos aos pessimistas

“Quando você contar aos familiares e amigos que pretende se mudar para os Estados Unidos, nem todos vão apoiá-lo. Muitos vão dizer que não vai dar certo, que aqui tem furação, neve e terrorismo. O ataque terrorista mais grave que já vi, bem pertinho de onde morava, foi o World Trade Center, em 2001. Contudo, após voltar aos Estados Unidos, já estou aqui há três anos e nunca mais vi nada do tipo. Furacão acontece, mas as casas são preparadas para enfrentá-los. Quando o furacão está chegando, todos recebem mensagens de celular com as informações sobre o que fazer para se proteger. E neve também tem, mas as casas são aquecidas para ninguém morrer congelado. Então, não desista e não dê ouvidos às pessoas que vão desaprovar a sua vontade de viver aqui.”

Publicidade
Publicidade
Publicidade