in

Claudia Leitte é processada por síndico por não pagar condomínio

Para resolver a situação, a cantora entrou num acordo e a dívida será parcelada.

Gshow

Claudia Leitte está sendo processada pelo síndico, que não teve a sua identidade revelada, de um prédio comercial localizado no bairro Caminho das Árvores, em Salvador, na Bahia.

Publicidade

Para receber da famosa cantora brasileira a quantia de R $33.695,56, ele moveu uma ação de execução contra ela  por não ter pago as taxas de condomínio, que giram em torno de R$ 500 reais mensais, referentes a quatro salas deste imóvel. A dívida corresponde ao período de janeiro de 2020 a fevereiro de 2021.

Em julho deste ano, a Justiça da Bahia acatou o pedido para que houvesse um acordo entre as partes envolvidas, no caso o síndico e a cantora, e fosse realizado um parcelamento desse valor com o objetivo da ação contra a cantora ser suspensa.

Publicidade

Segundo o advogado de Claudinha, se a ação prosseguisse, mais prejuízos seriam causados à cantora, que vem passando por sérios problemas, já faz algum tempo, para conseguir crédito junto aos bancos e outras instituições financeiras, o que afetou a sua situação financeira.

Publicidade

Para resolver essa situação, a cantora deu uma entrada de 5 mil reais e já se comprometeu a pagar prestações mensais, que variam de R$ 2,2 mil a R$ 3,936. Com esse acordo, que se prolongará até setembro de 2022, a dívida aumentou para R$ 53.932, 01. Os honorários advocatícios já estão inclusos nessa quantia.

Publicidade

Claudinha, que exerce a função de jurada técnica do The Voice Brasil, que continua com residência fixa nos Estados Unidos ao lado do marido e dos três filhos, não fez qualquer comentário sobre esse assunto.

Publicidade
Publicidade
Publicidade