in

Rede Globo está estudando as possibilidades de ressuscitar o Vídeo Show

O programa diário, que permaneceu no ar durante 36 anos, teve o seu fim decretado em 2019.

Globo

O Vídeo Show, um dos maiores sucessos de todos os tempos da Rede Globo, que durante 36 anos ininterruptos permaneceu no ar, poderá retornar à grade de programação da emissora mais cedo do que se imagina.

Publicidade

A alta cúpula do canal, confiante na força que o programa ainda mantém, em sigilo absoluto, já vem analisando todas as possibilidades da retomada do Vídeo Show com formato e conteúdo diferentes do que vinha sendo exibido.

Se o projeto for concretizado, a atração não ficará restrita apenas à Rede Globo, mas também será transmitida através do Multishow, canal pago que pertence ao mesmo grupo.

Publicidade

O Vídeo Show estreou em 1983 e durante o longo tempo em que ficou no ar, passou por uma série de mudanças em relação ao que era mostrado aos telespectadores e também em relação aos seus apresentadores, que não foram poucos.

Publicidade

Além de MIguel Falabella, André Marques, Cissa Guimarães, Tássia Camargo, Otaviano Costa, Sophia Abrahão, Mônica Iozzi , Joaquim Lopes, alguns ex-BBBs e até Susana Vieira entre outros, também ocuparam o posto de apresentadores do programa que saiu do ar em 2019.

Publicidade

Os motivos do cancelamento definitivo da atração teriam sido a falta de interesse do público telespectador, que fez com que o Vídeo Show, pouco a pouco, perdesse a sua força e isso causasse uma queda vertiginosa dos seus índices de audiência, deixando a Globo na segunda colocação.

Além disso, a emissora sofreu derrotas consecutivas para a Record TV, que no mesmo horário continua exibindo o Balanço Geral com o quadro A Hora da Venenosa, comandado pela jornalista Fabíola Reipert.

Publicidade
Publicidade
Publicidade