in

Whindersson Nunes e Carlinhos Maia abrem o coração após brigarem em 2019

O encontro acontecido durante um podcast serviu para relembrarem a briga e se acertarem.

Reprodução/Metrópoles

Os humoristas Carlinhos Maia e Whindersson Nunes voltaram a se reencontrar ao participarem do podcast “+ Um Pod”. Os dois estavam afastados desde a briga que tiveram em 2019, quando Whindersson não compareceu ao casamento de Carlinhos Maia, que contrariado com a situação acabou zoando da depressão do amigo.

Publicidade

Durante o podcast, os humoristas abriram o coração e decidiram colocar um ponto final na discórdia e se acertarem. Carlinhos Maia começou dizendo que quando se conheceram, há cerca de dois anos, ele estava em um momento de grande expansão do seu trabalho e que tinha a ilusão que era uma espécie ‘Bill Gates da internet’. 

Ele continuou contanto que, após seu casamento, começou a ter algumas crises horríveis de pânico e nem sabia mais que ele era, ficando muito soberbo e sem sentimentos. Carlinhos ainda ressaltou que entende que, quando se está infeliz, você só dá as pessoas o que tem por dentro. Na ocasião da briga, ele acusou o então amigo de avisar em cima da hora não iria ao seu casamento e zombou de sua depressão.

Publicidade

Ao ser questionado se ainda teria raiva de Whindersson, afirmou que o problema nunca chegou a ser ele e sim todo o entorno de sua vida naquele momento, que devido à todas as crises não queria mais continuar com seu trabalho.

Publicidade

Whindersson afirmou que não guarda nenhum rancor do humorista e ressaltou que sempre apoiou Carlinhos, tanto na série (Os Roni) quanto durante toda a vida. No entanto, ficar ouvindo que o amigo falava mal dele incomodou e sempre se questionou o motivo dos ataques, já que nunca foi um inimigo ou competidor dele e já teriam conversado sobre várias coisas. 

Publicidade

Quanto ao episódio da depressão, Whindersson afirmou que Carlinhos Maia não causou a sua doença, mas que a briga dos dois teve um grande impacto na situação. Ainda declarou que sempre que aborda o assunto com outras pessoas, sempre faz questão de falar que não foi o amigo que o botou em depressão.

Publicidade
Publicidade
Publicidade