in

Repórter da Globo é assaltada na rua e tem prejuízo de mais de R$ 20 mil: ‘Fiquei em choque’

A profissional da Globo foi assaltada na Praça da Liberdade em São Paulo.

TV Globo

A repórter Cristina Mayumi usou seu perfil nas redes sociais para contar sobre o assalto que sofreu no bairro Liberdade, no último final de semana. A funcionária da Globo disse que os bandidos levaram seu celular e fizeram algumas transações bancárias em um valor total de vinte e quatro mil reais. “Fiquei em choque”, relatou ela.

Publicidade

A profissional contou que não sabia o que fazer quando ocorreu o assalto, depois do ocorrido, dois amigos foram até ela, quando chegou em casa conseguiu falar com sua mãe e bloquear o aparelho que tinha os aplicativos do banco.

Segundo ela, foram feitos vinte mil reais em empréstimo e quatro mil reais de transferência PIX. Porém, a repórter não conseguiu entrar em contato com os bancos para conseguir resolver o problema, pois os mesmos só atendem de segunda a sexta.

Publicidade

Ela relatou que não consegue entender, pois, quando faz qualquer operação no aparelho é preciso digitar a senha e ter o reconhecimento facial, porém, os criminosos conseguiram entrar no aplicativo. O aparelho estava desbloqueado porque estava com o waze ligado.

Publicidade

Ela reclamou que quando entrou em contato com a polícia, falaram para ela fazer um boletim de ocorrência online, mas não foi tomada nenhuma providência, se tornou apenas mais um número para a estatística na polícia. Mas, pelo menos está bem e não teve nada sério.

Publicidade

Cristina trabalhava na TV Centro América, afiliada da Globo em Cuiabá. Na capital, a profissional ganhou destaque em rede nacional quando apareceu na telinha fazendo reportagens para o Jornal Hoje, Fantástico e Bom Dia Brasil.

Publicidade
Publicidade
Publicidade