in

Simony perde ação após processo da escola das filhas: ’15 dias’

Cantora foi processada pela escola das filhas, e Justiça determinou sentença.

Vix

A cantora Simony se envolveu em uma grande polêmica na última semana. De acordo com a colunista Fábia Oliveira, devido à falta de pagamento da mensalidade da escola de suas filhas, a cantora foi parar na Justiça, pois a instituição de ensino exige a quitação. A famosa teria acumulado uma dívida de mais de 86 mil reais.

Publicidade

Simony tem 15 dias para pagar dívida de 86 mil reais em escola das filhas

A Justiça de São Paulo reconheceu o dividendo requerido pela instituição de ensino. Como providência, estabeleceu um prazo para que a cantora efetue o pagamento de seu débito. Simony tem 15 dias para pagar a dívida ou efetuar um acordo com o estabelecimento de ensino, que está cobrando a quantia pelos serviços educacionais prestados às filhas da famosa.

A decisão foi tomada pelo juiz José Maria Alves de Aguiar Júnior, da 2ª Vara Judicial do Foro de Santana de Parnaíba, em favor da instituição privada de ensino Sociedade Educacional Bricor, que prestou serviços educacionais para as filhas de Simony e não recebeu o pagamento do valor acordado na matrícula por alguns meses, após prestar “serviços educacionais de alta qualidade”, como afirmou a própria instituição. 

Publicidade

Caso não cumpra o mandado no prazo e os embargos não forem opostos, constituir-se há de pleno direito o título executivo judicial”, pontua o processo que está tramitando na Justiça de São Paulo. A cantora Simony não deu nenhum depoimento sobre a decisão do juiz ou sobre a situação de suas filhas na escola privada que a colocou na Justiça.

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Tatiane Braz

Estudante, escritora e apaixonada pela verdade, tenho como meta levar a notícia de forma clara e real. Amo ler e percebo a cada dia que um mundo melhor se faz quando o conhecimento que adquirimos é colocado em prática.