in

Silvio Santos tem grave doença confirmada, está na UTI e SBT cancela todas as suas gravações

Todas as gravações do apresentador Silvio Santos na emissora estão canceladas.

Reprodução/Instagram Jassa

Circulou nas redes sociais na última quinta-feira (12/08), que o apresentador Silvio Santos estaria com covid-19. Datena chegou a falar em seu programa na Band, que tinha informações de que Silvio ficou abalado com a morte do ator Tarcísio Meira e teria dado entrada no hospital Albert Einstein, em São Paulo, para realizar exames por conta da doença. Tarcísio faleceu nesse mesmo hospital.

Publicidade

O SBT prontamente desmentiu a notícia e soltou uma nota dizendo que Silvio estava bem, e em casa com sua esposa Íris Abravanel. Logo em seguida, a assessoria da família do apresentador também negou os rumores de que ele estivesse doente.

Os fãs de Silvio se sentiram mais aliviados com a notícia de que ele não contraiu o vírus, até porque o apresentador tem idade avançada e sofre de problemas respiratórios. No entanto, nesta sexta-feira foi confirmado, pela jornalista Fábia Oliveira, que Silvio está mesmo com covid. O apresentador deu entrada hoje no hospital Albert Einstein e já na triagem foi diagnosticado com o vírus. Silvio foi levado para a UTI para se tratar.

Publicidade

O apresentador já tinha se afastado de suas atividades e todas as suas gravações no SBT estavam canceladas. Silvio voltou a gravar programas inéditos a pouquíssimo tempo, mas já interrompeu sua volta a televisão.

Publicidade

Publicidade

Essa notícia de que o apresentador tinha se afastado da emissora já tinha deixado uma pulga atrás da orelha de quem buscava informações, até que foi confirmada a internação do dono do SBT. O apresentador já tinha se afastado da emissora por quase dois anos por conta da pandemia e voltou a gravar programas no último 25 de julho. A família até o momento não se manifestou.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Jean Marangoni

Influenciador digital responsável pelas páginas 'Mussum Sinceris' nas redes sociais, trabalho também com jornalismo online há 3 anos. Para sugestões entre em contato: jeanmarangoni@gmail.com