in

No Limite 5 deixa André Marques em baixa na Rede Globo

Além de não ser escolhido para substituir Luciano Huck, o apresentador também não deverá voltar para o The Voice Kids.

Globo.com

André Marques era um dos candidatos mais fortes para substituir Luciano Huck no comando do Caldeirão nas tardes de sábado da Rede Globo, mas acabou perdendo o posto para Marcos Mion, contratado pela emissora e tem estreia confirmada para o dia 4 de setembro.

Publicidade

E um dos principais motivos teria sido o seu desempenho à frente de No Limite, considerado “péssimo” pela alta cúpula do canal, sob alegação de que André não se empenhou em criar nenhum tipo de recurso que tivesse a possibilidade de associar seu nome ao reality show, não teve molejo suficiente para enfrentar os improvisos da competição e também deixou a desejar em relação aos textos do programa não demonstrando a empolgação necessária.

No Limite 5 também não conseguiu vender as cotas de patrocínio esperadas pela Rede Globo e devido aos baixos índices de audiência alcançados, nenhum novo contrato foi firmado durante a temporada. Uma das causas seria o fato de André Marques não ter forte apelo comercial junto aos anunciantes.

Publicidade

Como, por enquanto, se mantém em alto conceito com Boninho, graças ao diretor, o apresentador teve passagens pelo extinto Vídeo Show, participou durante um bom tempo do É de Casa, ganhou o comando do The Voice Kids sendo escolhido para estar à frente dessa edição de No Limite.

Publicidade

André já ficou sabendo que só retornará ao vídeo em 2022 para uma nova temporada do reality show, o que não foi confirmado.

Publicidade

São mínimas as possibilidades dele voltar ao The Voice Kids, pois a Rede Globo não tem poupado elogios para a atuação de Márcio Garcia na função e pretende mantê-lo no posto nas próximas edições.

Publicidade
Destaque: Mulher quase é presa por emagrecer demais! Confira
Publicidade
Publicidade