in

Marina Ruy Barbosa rebate críticas de Samantha Schmütz

Atriz decidiu se pronunciar após receber críticas sobre a ida ao Festival de Cannes.

Reprodução/Metrópoles

Marina Ruy Barbosa desabafou após receber críticas da atriz Samantha Schmütz por ter ido ao Festival de Cannes de 2021. A atriz decidiu se pronunciar após a colega de profissão fazer duras críticas sobre os artistas que teriam ido ao festival de cinema, mas estariam se omitindo após o incêndio na Cinemateca de São Paulo.

Publicidade

Samantha Schmütz tem se empenhado muito em cobrar colegas de profissão durante a pandemia de Covid-19 e não foi diferente após o incêndio em São Paulo. Mesmo sem citar nomes, muitos seguidores enxergaram uma alfinetada direta em Marina Ruy Barbosa após citar o Festival de Cannes.

Na noite desta última sexta-feira (30), Marina desabafou sobre o episódio com uma resposta direta as críticas recebidas. A atriz afirmou ser inquestionável que o incêndio na Cinemateca é mais uma agressão a cultura do nosso país e que estamos vendo nossa história ser queimada há tempos, sendo completamente abandonada.

Publicidade

No entanto, declarou que sua participação no festival de Cannes não deveria ser pauta e nem motivo de preocupação no momento. Ressaltou que sua ida para o evento, contratada por uma marca para trabalhar, não deveria gerar tamanha indignação de alguns colegas de profissão e que ninguém está no direito de desqualificar o trabalho alheio.

Publicidade

Marina ainda disse que a cobrança por um posicionamento imediato, traduzido em um simples ‘post’, não refletiria o pensamento de alguém ou o quanto ela se importa com o fato. Além de ressaltar que as redes sociais são apenas uma fração da vida dos usuários e existe muita vida fora delas.

Publicidade

A atriz também  relembrou o caso de Simone Biles, que desistiu de uma competição nas Olimpíadas. Marina enalteceu a decisão da ginasta ao priorizar sua saúde mental e pediu para que as pessoas se questionem sobre o quanto estão colaborando e sendo responsáveis por esse tipo de pressão psicológica nas pessoas.

O incêndio na Cinemateca Brasileira, localizada na Vila Leopoldina (SP), aconteceu na última quinta-feira (30) após uma manutenção em aparelhos de ar condicionado. Segundo reportagem da CNN, o Ministério Público Federal teria avisado o Governo sobre o risco de incêndio no local, nove dias antes da tragédia.

Publicidade
Publicidade
Publicidade