in

O drama familiar de Roberto Carlos; câncer do filho não regride e médicos tomam difícil decisão

Dudu Braga faz quimioterapia no Hospital Albert Einstein mas até agora o seu tratamento tem sido ineficaz contra a doença.

UOL - INSTAGRAM/DUDU BRAGA - REPRODUÇÃO/GLOBO - MONTAGEM JEAN MARANGONI

O cantor e compositor Roberto Carlos está vivendo um drama familiar com o seu filho Dudu Braga. Dudu luta à cerca de um ano contra um câncer no peritônio que surgiu após ele ter vencido outro câncer (no pâncreas) em 2019. Os três tumores encontrados na região do peritônio foram descobertos em setembro de 2020.

Publicidade

O herdeiro do Rei da música brasileira deu entrevista ao jornal O Dia e contou que no momento está passando por sessões de quimioterapia no Hospital Albert Einstein, em São Paulo, onde faz tratamento contra a doença.

Dudu disse porém, que seu tratamento até aqui não reagiu da forma esperada e seu câncer não regrediu e nem progrediu. Dessa maneira, os médicos do Albert Einstein decidiram que à partir de agora irão atacar os tumores de forma diferente.

Publicidade

Após a ineficácia do tratamento anterior, Dudu Braga continuará passando pelas sessões de quimioterapia mas agora se utilizando de um outro quimioterápico. Essa nova medicação será mais uma tentativa dos médicos de livrar Dudu do câncer.

Publicidade

As lutas de Dudu

O produtor musical Roberto Carlos Segundo, mais conhecido como Dudu Braga, é deficiente visual e há anos luta contra o câncer. Quando venceu o câncer no pâncreas, Dudu postou um vídeo chorando em seu Instagram e pediu para o próprio médico dar a notícia aos seu seguidores.

Publicidade

Já em abril desse ano, o filho de Roberto Carlos passou alguns dias internado por conta de uma diverticulite. Quando saiu do hospital, Dudu voltou a fazer uma portagem emocionante dizendo que estava indo pra casa rever sua filha e sua esposa Valeska.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Jean Marangoni

Influenciador digital responsável pelas páginas 'Mussum Sinceris' nas redes sociais, trabalho também com jornalismo online há 3 anos. Para sugestões entre em contato: jeanmarangoni@gmail.com