in

Eduardo Costa garante que se fosse gay seria assumidíssimo

O cantor afirma que seu lado gay é feminino e por isso gosta tanto de mulher.

Mundo Sertanejo

Após causar muitas polêmicas ao afirmar que é viciado em sexo e se submetendo a um tratamento médico para controlar essa situação, Eduardo Costa não satisfeito com a enorme repercussão que esse assunto teve, agora causou uma nova surpresa em seus fãs: o cantor assumiu que é semi-gay.

Publicidade

Segundo o cantor, os gays são muito organizados, e revelando um aspecto da sua intimidade, diz que ele também é, pois mantém todas as suas coisas muito bem ajeitadas e sempre arrumadas no mesmo lugar. Ele garante que faz tudo semelhante a um gay, exceto na prática sexual.

Eduardo também afirma que os gays conseguem transitar entre os homens e as mulheres com enorme facilidade, que um dos seus melhores amigos é gay assumido e também é uma das pessoas mais incríveis que já conheceu.

Publicidade

O cantor também fez questão de não esconder que seu “lado feminino é gay”, uma vez que gosta exageradamente de mulher, queria até gostar menos, mas segundo ele, infelizmente gosta muito.

Publicidade

Ele também afirma que, apesar da evidência dos comportamentos semelhantes se realmente fosse gay, seria uma gayzona e assumidíssima.

Publicidade

É óbvio que essas declarações não passaram em branco e tiveram um enorme repúdio por parte da comunidade LGBTQIA+.

Através das redes sociais, o cantor foi severamente criticado e suas declarações foram classificadas como uma idiotice e que através das suas palavras preconceituosas consegue se transformar na “própria chacota”.

Ao que tudo indica, o caso tem todas as possibilidades de tomar um vulto maior e muitos já afirmam que a sua popularidade poderá ficar seriamente comprometida.

Publicidade
Publicidade
Publicidade