in

Com disputa por bens na Justiça, filhos de Cid Moreira temem que madrasta planeje algo na surdina

Os filhos do ex-apresentador querem interditar o pai para impedir venda de imóveis.

Instagram Cid Moreira

Em meio à uma disputa na Justiça, os herdeiros de Cid Moreira, de 93 anos, temem que a madrasta, Fátima Sampaio, entre com uma ação na ‘surdina’. Por causa disso, Rodrigo e Roger entrarão com um pedido de protesto contra alienação de bens na Justiça, se trata de uma notificação oficial sobre a existência de um processo que envolve os imóveis no nome do jornalista. Logo, se a atual esposa do pai estiver negociando a venda de algum deles, terceiros estarão no processo.

Publicidade

O pedido foi registrado na Vara da Infância, da Juventude e do Idoso em Petrópolis, na tarde de ontem(21).

Segundo informações do Notícias da TV, o documento pede para que o idoso seja interditado, visto que a esposa possa vir a alienar, transferir, doar, vender, fazer empréstimos ou ter em mãos alguma procuração de Cid, logo, eles pedem para que seja deferido o protesto contra alienação de bens.

Publicidade

O advogado dos irmãos contou que a mulher pode estar fazendo transações ou recebendo valores. Por isso, ele deseja comunicar o processo de interdição nos grandes jornais de comunicação para que no futuro algum possível comprador dessas propriedades não venham afirmar que compraram na boa-fé.

Publicidade

Na solicitação de interdição, os filhos afirmam que Fátima estaria de posse de uma procuração, e teria repassado propriedades para seu nome além de ter vendido imóveis para parentes. Por isso, Roger se ofereceu para ser curador do pai.

Publicidade

Segundo o profissional, os filhos não querem o dinheiro do pai, eles querem apenas preservar o veterano das intenções da mulher, e proteger seu patrimônio.

Publicidade
Publicidade