in

Justiça nega segundo pedido de liberdade para DJ Ivis

DJ Ivis tem segundo pedido de liberdade negado pela justiça e continua preso

Instagram DJ Ivis - Instagram Pamella Holanda / Montagem: Metrópoles

DJ Ivis sofre derrota na Justiça em novo pedido de habeas corpus da defesa do cantor. O ministro Humberto Martins, presidente do STJ (Superior Tribunal de Justiça), negou um pedido de liberdade para Iverson de Souza Araújo no processo da ex-esposa Pamella Holanda, nesta sexta-feira (16). Segundo o tribunal, o pedido foi feito por um perito judicial e não pela defesa do DJ. Ivis já teve um pedido negado pela Justiça do Ceará.

Publicidade

Segundo o STJ, o habeas corpus feito pelo perito judicial argumentava que DJ Ivis ainda é réu primário, possui bons antecedentes, é famoso e não apresentaria risco para a vítima durante a circulação do processo na Justiça. Alega também que a prisão preventiva só deveria ser utilizada caso o acusado descumprisse uma medida protetiva.

Em decisão do presidente do STJ, o pedido de habeas corpus não possui documentos que comprovem a real situação do processo criminal que circula na Justiça do Ceará. Ainda segundo o ministro, conceder o pedido agora teria possibilidade de provocar mais tumulto no processo e prejudicar os advogados do próprio cantor.

Publicidade

O ministro disse que, nesse tipo de situação, um eventual julgamento feito precipitadamente poderia comprometer toda a linha de defesa que estaria sendo adotada pelo próprio acusado e os seus advogados, isso iria resultar em prejuízo manifesto para o paciente.

Publicidade

Humberto terminou, dizendo que também não é possível saber sequer se compete ao STJ apreciar tal pedido, pois não há notícia de que o pedido feito já tenho sido examinado pelos tribunais que são responsáveis pelo processo. Em razão disso, o pedido foi arquivo, e o DJ permanece preso.

Publicidade

Publicidade
Publicidade
Publicidade