in

Sikêra Jr. perde perfil no Instagram após chamar gays de ‘raça desgraçada’

Perfil do apresentador já contava com mais de 6 milhões de seguidores e foi suspenso nesta quarta-feira (7)

RedeTV!

Nesta quarta-feira (7), o apresentador Sikêra Jr., da RedeTV!, sentiu na pele mais uma punição por conta de suas falas e posicionamentos polêmicos a respeito dos homossexuais.

Publicidade

Com mais de seis milhões de seguidores, o perfil de Sikêra no Instagram foi suspenso após o jornalista se referir aos gays como “raça desgraçada” ao comentar a respeito de uma campanha publicitária de uma rede de fast food que abordou o Dia do Orgulho LGBTQIA+.

Na ocasião, Sikêra afirmou que as crianças estariam sendo usadas pelo que ele chamou de “povo lacrador” e teceu comentários ofensivos à comunidade LGBTQIA+ e à campanha publicitária, que exaltava a diversidade.

Publicidade

“Não convence mais os adultos e agora vão usar as crianças… Deixa essa tara, não vem para o lado das crianças… A gente tá calado engolindo essa raça desgraçada… O comercial é podre, nojento, ridículo”, afirmou o apresentador.

Publicidade

Desde suas declarações classificadas pelo público como polêmicas, homofóbicas e preconceituosas, o apresentador tem sofridos duras punições. Desde os patrocinadores, que se mostraram receosos de associar suas respectivas marcas à imagem de Sikêra, sendo que até o momento mais de 30 deles já retiraram o patrocínio, até este imenso prejuízo nas redes sociais.

Publicidade

O Ministério Público Federal e a Associação Nuances (Grupo pela Livre Expressão Sexual), entraram com ação civil contra Sikêra Jr. No processo, além de outras exigências, é pedido que tanto o apresentador quanto a emissora do qual faz parte sejam condenados a pagar uma indenização por danos morais coletivos de R$ 10 milhões.

Publicidade
Publicidade

Escrito por Higor Mendes

Redator com três anos de experiência, apaixonado por história da Segunda Guerra Mundial, política, futebol e curiosidades em geral.