in

Apontada como affair de Eduardo Costa, influencer chora e desabafa: ‘me chamam de demônio, desgraçada’

Mariana Polastreli alegou estar separada do marido, Eduardo Polastreli, há três meses.

REPRODUÇÃO/INSTAGRAM

A empresária e influencer digital Mariana Polastreli decidiu quebrar o silêncio e se posicionar oficialmente após o surgimento de rumores polêmicos acerca de um suposto affair que ela estaria tendo com o cantor Eduardo Costa. Em entrevista ao colunista Leo Dias, do Metrópoles, a mulher desabafou e se mostrou bastante abalada pelo “linchamento virtual” que vem sofrendo nos últimos dias.

Publicidade

O caso eclodiu no final de semana, quando Leo Dias revelou que a moça casada estaria “conhecendo melhor” o sertanejo. Pouco depois da revelação vir à tona, o marido dela, o engenheiro Eduardo Polastreli fez fortes acusações contra sua companheira e mãe dos seus três filhos. Ele afirmou que a empresária teria abandonado ele e os filhos para ficar com o sertanejo. 

Aos prantos, Mariana Polastreli pediu que as pessoas parem de fazer pré-julgamentos, e relatou que está sendo chamada e xingada de todos os nomes nas redes sociais. 

Publicidade

“Estão me atacando da forma mais cruel que existe. Me chamam de demônio, desgraçada, de mãe desnaturada e muito mais. E não é nada disso. As pessoas precisam ter empatia. Precisam me ouvir. Nada disso aconteceu, e se tivesse acontecido, qual o direito que elas têm?”, disparou a empresária e influencer digital, criticando ainda o marido pela situação de exposição.

Publicidade

Drama

Ainda segundo Mariana, o filho de 13 anos, mais velho entre os três herdeiros, é quem está sofrendo mais com a polêmica, sendo vítima de bullying. O garoto, inclusive, vem desabafando com a mãe sobre o que tem passado. 

Publicidade

Também em entrevista ao colunista Leo Dias, o marido de Mariana disse que já pediu o divórcio, decidindo colocar um ponto final na relação de 15 anos. A moça, por sua vez, entrou com um pedido para obter a guarda das crianças, e vai processar Eduardo Polastreli por calúnia e difamação. 

Publicidade
Publicidade
Publicidade