in

DJ demitido entra na Justiça do Trabalho contra Pocah do BBB21

Ele alega que foi demitido sem motivos e exige 262 mil reais referentes a direitos trabalhistas.

Caras

Envolvida com os preparativos do seu casamento com Ronan Souza, produtor de eventos e também ex namorado de Anitta, a cantora e participante do BBB21 Pocah está envolvida com problemas na Justiça.

Publicidade

Daniel Gripp, mais conhecido como o DJ Malukin, acionou a Justiça do Trabalho após ser demitido, segundo ele, sem motivos aparentes do staff da cantora após nove anos no exercício da função.

Sob a alegação de vínculo empregatício, Daniel exige a quantia de 262 mil reais de indenização referentes a direitos trabalhistas como férias, décimo terceiro salário, entre outros benefícios. A ação já tramita na 9ª Vara do Trabalho do Rio de Janeiro.

Publicidade

Segundo Daniel, desde 2012, ele sempre ocupou o posto de DJ fixo de Pocah, desde que a cantora iniciou sua carreira no meio musical. Ele também afirma que foi mandado embora sem qualquer tipo de justificativa e além disso, foi bloqueado nos grupos de WhatsApp e já há um outro DJ ocupando o seu lugar. Daniel revela que o seu pagamento era feito através de cachês por cada show que realizava.

Publicidade

Ele afirma que a sua demissão aconteceu antes da cantora mudar de escritório e entrar no BBB21.

Publicidade

Como não lhe comunicaram sobre o seu afastamento e colocaram um novo DJ em seu lugar sem lhe dar a mínima satisfação, ele procurou a artista várias vezes, mas jamais obteve resposta.

Bastante decepcionado com essa atitude, Daniel conta que não chegou a ver seu filho nascer, pois estava viajando a trabalho como integrante da equipe de Pocah, que agora se recusa a recebê-lo.

Como não pode ficar desempregado, pois precisa sustentar a mulher e o filho, de 8 anos, ele passou a trabalhar como motorista de aplicativo.

A equipe da ex BBB declarou que ela não irá se manifestar sobre esse assunto, uma vez que não foi notificada.

Publicidade
Publicidade
Publicidade