in

Angelina Jolie ‘nunca vai perdoar’ Brad Pitt por isso

Ex-casal de atores estão brigando pela guarda dos filhos, em Tribunal, após a separação.

Angelina Jolie - Wikipedia

Angelina Jolie teria ficado furiosa com a decisão do Tribunal. Em sua separação de Brad Pitt, o juiz atribuiu guarda compartilhada dos filhos do casal. A famosa atriz, de 45 anos idade, não estaria esperando esta decisão e ficou desiludida com a justiça. Mais ainda com o ex-marido. De acordo com o portal US Weekly, Angelina “nunca vai perdoar” Brad Pitt por ter pedido guarda conjunta das crianças.

Publicidade

Angelina Jolie desiludida

De acordo com uma fonte do US Weekly, Angelina Jolie vai recorrer da decisão do juiz, continuando a batalha legal. “Ela afirma que está longe de terminar e ainda acredita que a justiça prevalecerá”, contou a referida fonte. Entretanto, Angelina Jolie e Brad Pitt precisam compartilhar a guarda de cinco de seus seis filhos: Pax, de 17 anos, Zahara, de 16, Shiloh, de 15, e os gêmeos Knox e Vivienne, de 12. Apenas Maddox, de 19 anos, não entra na decisão, porque ele não é mais menor de idade.

Então, de acordo com fontes próximas de Angelina Jolie, a atriz estaria irritada, porque a decisão do Tribunal não protegeu sua família. Ela nunca quis afastar as crianças do pai, mas não está de acordo com a decisão de guarda conjunta. Por outro lado, pessoas próximas de Brad Pitt sentem o ator feliz com a decisão. Ele apenas queria passar mais tempo com as crianças. 

Publicidade

Angelina Jolie pediu que juiz Ouderkirk fosse afastado

A atriz de ‘Maléfica’ acredita que o juiz não é imparcial. Por isso, ela pediu que ele fosse afastado do caso, o que não aconteceu ainda. Porém, alguns especialistas garantem que o juiz atuou de uma forma justa, com base em horas de audiências com terapeutas e profissionais do serviço infantil, que falaram com os filhos de Pitt e Jolie, pensando somente no bem e no interesse das crianças.

Publicidade

Uma das reclamações da atriz seria que seus filhos não foram escutados no Tribunal. Angelina acreditava que a opinião das crianças seria importante para o caso e que poderia reverter em seu favor. Porém, o juiz não autorizou e os filhos do ex-casal não prestaram seu testemunho. A atriz também teria levado a Tribunal provas de alegada violência doméstica de Brad Pitt, mas que não tiveram ainda relevância na questão da guarda dos filhos.

Publicidade

Publicidade
Publicidade
Publicidade